Zagueiro João Vitor traça caminhada na sequência do Sub-17 pela Chape
Foto: Divulgação/Associação Chapecoense de Futeb

A Chapecoense começou o Campeonato Brasileiro Sub-17 em baixa. O time catarinense perdeu a primeira para o Sport, por 1 a 0, e a segunda para o Vasco, por 3 a 0 e têm início bem ruim na competição. Entretanto, João Vitor, zagueiro da equipe, tenta olhar para o futuro com olhos positivos:

“O começo da jornada foi ruim, entendemos as dificuldades enfrentadas, mas o grupo é unido, forte e tem condições de virar essa chave. O campeonato tem jogos pela frente e muita coisa pode acontecer.”

A Chapecoense está no grupo B da competição, que conta com dez equipes. Além da Chape, também disputam a classificação para o mata-mata no grupo Athletico-PR, Fluminense, Atlético-MG, Corinthians, Vasco, Sport, Santos, Internacional e Fortaleza.

O adversário da Chape na terceira rodada será o Atlético-MG, que venceu o Vasco na estreia por 2 a 1 e empatou com o Corinthians em 0 a 0, na última partida. Mesmo com a situação quase que oposta do adversário, João não perde as esperanças.

“Minha expectativa é que vamos conseguir classificar e dar a volta por cima, apesar das derrotas que tivemos. Vamos trabalhar e evoluir cada dia para que possamos conquistar nossos objetivos. Farei o possível para ajudar a minha equipe, pois somos uma família e iremos jogar cada jogo como se fosse uma final.”

O duelo da Chape contra o Atlético Mineiro será neste sábado (22), às 17:00, no SESC Alterosas, em Belo Horizonte.

VAVEL Logo