Jean Carlos comanda vitória do Náutico diante do CSA na Série B
Foto: Augusto Oliveira/CSA

No duelo entre dois campeões estaduais do Nordeste, o Náutico estreou com o pé direito e levou a melhor em cima do CSA ao vencer por 1 a 0, nesta sexta-feira (28), no Estádio dos Aflitos, em Recife, pela abertura do Campeonato Brasileiro Série B. O Timbu teve uma maior presença em campo e não teve nenhuma dificuldade para sair com a vitória. O gol foi anotado por Jean Carlos ainda no primeiro tempo.

Jean Carlos comanda meio-campo do Timbu e abre o placar

No primeiro tempo diante do CSA, apenas o Náutico jogou, praticamente. Do começo ao fim, o Timbu tomou conta das ações do jogo, em grande noite de Jean Carlos, que foi baastante participativo, o camisa 10 comandou o meio-campo do Timbu. Ora com passes, ora com chutes, incomodando a zaga dos alagoanos.

O Náutico teve uma boa produção ofensiva, número de chances e um bom volume de jogo e foi assim que chegou ao primeiro e único gol da partida.

Após cobrança de lateral na área, a bola sobrou para Jean Carlos, que finalizou e contou com a falha do goleiro Thiago Rodrigues para mandar para o fundo das redes.

E o Náutico não parou por aí, a equipe teve 14 finalizações no primeiro tempo e teve boas chances de ir para o intervalo com um placar mais elástico. Porém, parou em boas defesas do goleiro Thiago Rodrigues. 

CSA volta melhor, mas não consegue ser efetivo

No segundo tempo, o CSA voltou com Silvinho e Marquinhos, e passou a incomodar mais os donos da casa, mas sem tanta efetividade. 

O Azulão adiantou a marcação de seus comandados, e levou perigo em duas chances. Aos nove, com Silvinho. Na sequência, a zaga do Timbu saiu jogando errado, Iury ficou com a bola, mas acabou se enrolando na hora de definir a jogada. 

Com o placar favorável, o Náutico buscava controlar o jogo, mesmo sem assustar a meta alagoana e soube administrar a vantagem até o apito final.

Números da partida

Náutico deu 18 chutes, sendo seis no gol, sete pra fora e cinco chutes travados. CSA conseguiu cinco chutes, um no gol, três para fora e um chute travado. O Timbu somou 12 desarmes, oito interceptações e oito cortes, enquanto os alagoanos somaram 20, 14 e 20, respectivamente.

Próximos jogos

O Náutico visita o Vitória, no dia 7 de junho, às 20h, no Barradão. Dois dias antes, no dia 5, o CSA estreia em casa, diante do Sampaio Corrêa, no Rei Pelé, às 16h30.

VAVEL Logo