Em
jogo faltoso, Londrina empata com Botafogo no fim e deixa Z-4 da Série B
Foto: Ricardo Chicarelli/Londrina EC

Londrina e Botafogo protagonizaram um emocionante empate em 2 a 2 nesta quinta-feira (17) pela quarta rodada da Série B do Brasileirão 2021. Apesar da grande quantidade de faltas, por pouco o jogo não teve um vencedor no fim. No Estádio do Café, Rafael Navarro e Luís Oyama marcaram para o visitante, enquanto Tárik e Junior Pirambu, ambos vindo do banco, fizeram pelo mandante.

O confronto colocou frente a frente dois times em posições opostas na tabela. O Tubarão ainda não havia vencido na competição, somando uma derrota e dois empates, o último na rodada anterior (1 a 1 com o Coritiba), resultando na presença da equipe no Z4.

Do outro lado, o Glorioso ainda não havia perdido na Série B, com um empate e duas vitórias seguidas, a última no jogo anterior (3 a 0 sobre o Remo), sequência que levou o clube ao G4. Nas outras seis partidas entre esses times, foram três empates, duas vitórias cariocas e uma paranaense.

Primeiro tempo de muitas faltas e poucas oportunidades

A bola teve dificuldade de rolar durante toda a primeira etapa, que foi mais faltosa que o normal. Vide o primeiro cartão amarelo com pouco mais de um minuto apenas (para Marcelo Freitas). Outros dois foram distribuídos até a ida para o intervalo, um para cada lado. Quando uma jogada enfim conseguiu ser construída, foi eficiente. Aos oito minutos, cobrança de falta de Chay pela direita e a bola foi direto no centroavante Rafael Navarro, que também se adiantou bem ao marcador para chegar antes, de ombro, e colocar para dentro pelo Botafogo.

O Londrina tinha dificuldades para ultrapassar as linhas de marcação do adversário na intermediária defensiva e chegar na área. Apesar disso, os donos da casa tinham mais a posse da bola e tentavam encontrar espaço no campo de ataque. Aos 37 e aos 40, dois chutes de fora da área de Jean Henrique e Marcelo Freitas, respectivamente, não chegaram a levar perigo a Douglas Borges. O Glorioso errava muito no passe no início da armação de jogadas, não conseguindo dar sequência às subidas.

Bola rola mais na etapa final, e últimos minutos são de emoção

O Botafogo voltou pressionando no ataque, marcando em cima e rondando a área. O jogo continuou com muitas faltas e mais jogadores amarelados, porém melhorou em oportunidades criadas. Aos sete, o Londrina conseguiu um bom momento de pressão, com chute bloqueado na área pela esquerda e sequência de escanteios, bem aproveitada. No mesmo minuto, cobrança de escanteio pela direita e Tárik, que entrou no intervalo, cabeceou certeiro no meio da marcação para empatar.

Aos 12, Warley finalizou rasteiro da ponta-direita, Dalton espalmou como deu, e por pouco Navarro não pegou o rebote para fazer o segundo dele e do visitante. O Tubarão adiantou bem a marcação, mas quem teve chances na sequência foi o adversário. Aos 18, Chay roubou a bola, subiu até a entrada da área, girou para cima da marcação e tentou chute colocado, que saiu por cima assustando Dalton. Três minutos depois, contra-ataque alvinegro, Marco Antônio cruzou do corredor direito na segunda trave, e Navarro se jogou na bola para concluir de cabeça, mas apenas tirou tinta do gol.

Até que, aos 26, a partir de bela jogada individual de Marco Antônio na área, driblando a marcação e fazendo a assistência, Luís Oyama precisou apenas guardar no fundo da rede para recolocar o Botafogo na frente. Destaque para a presença do volante na área como elemento surpresa. Só que as equipes deixaram a emoção para os cinco minutos finais. Aos 41, bate-rebate na área e Douglas Borges defendeu finalização de Junior Pirambu quase em cima da linha para evitar um novo empate. Mas, na sequência, inversão de jogada na entrada da área, Douglas Borges espalmou chute forte para frente, e Junior Pirambu de novo, que havia entrado há pouco, não desperdiçou o rebote: 2 a 2.

Já nos acréscimos, aos 46, quase a virada do Londrina em finalização por cima de Douglas Borges, que saiu para fechar o ângulo, mas Kanu salvou na cobertura. E, no lance seguinte, Warley arrancou pela direita, conseguiu cruzamento na medida para Rafael Moura na segunda trave, mas o centroavante finalizou sozinho para fora com muito perigo. Após esses gols ficarem no quase, o árbitro deu o apito final, e cada time levou um ponto para casa.

Classificação e próximos compromissos

Com o placar igualado, o Londrina conseguiu deixar a zona de rebaixamento, subindo para a 16ª colocação com três pontos. Enquanto isso, o Botafogo se mantém no pelotão de cima, em terceiro lugar com oito pontos, a um do vice (Brusque) e a quatro do líder (Náutico). O próximo compromisso do Tubarão é fora de casa contra o CSA no domingo (20) às 20h30. Já o Glorioso volta a campo também no próximo domingo (20) às 16h, quando visita o Náutico, encontro que pode valer a liderança do campeonato.

VAVEL Logo