Botafogo marca no fim e evita derrota para Avaí na Ressacada
Foto: Frederico Tadeu/Avaí FC

O Avaí liderava até os 47 do segundo tempo, mas o Botafogo conseguiu um gol salvador para evitar a derrota na Ressacada neste sábado (3), na nona rodada da Série B 2021. Lourenço abriu o placar para o Leão, mas Marco Antônio decretou o 1 a 1 em Florianópolis.

Falta de precisão

O Avaí teve bem mais a bola no primeiro tempo - 57% - e também mais finalizações - nove a seis -, mas o Botafogo esteve mais perto do gol. Logo aos 6, Navarro teve chance dentro da área após corte ruim de Edilson, que Alemão travou.

No início, o Fogão conseguiu pressionar a defesa azurra para complicar a troca de passes, contando principalmente com o desentrosamento de Rafael Pereira, alternativa que não durou muito tempo, já que o Leão conseguiu consertar. Pedro Castro, ex-Avaí, teve uma função mais ofensiva, e também foi responsável por algumas chegadas perigosas.

O Botafogo encontrou alguns espaços entre as linhas do Avaí, que apresentou uma postura agressiva, mas deixou a defesa exposta em alguns momentos. Aos 8, Diogo Gonçalves apareceu bem pela esquerda, cruzou para trás e Luís Oyama apareceu para finalizar, porém, por cima do gol.

A melhor oportunidade do Avaí foi aos 11. Após roubada de bola de Bruno Silva, Jonathan tocou para trás e Wesley chutou forte, mas parou na trave. O Leão trocou quase 250 passes na primeira etapa e também tentou uma pressão no campo de ataque, porém teve dificuldades para finalizar as jogadas.

Aos 16, Navarro recebeu lançamento longo de Gilvan, ganhou de Alemão no corpo e tentou encobrir o goleiro, mas mandou por cima. Depois disso, o jogo caiu em volume, com o Avaí tendo mais a bola, porém sem inspiração para quebrar as linhas alvinegras.

Vinícius Leite e Lourenço tentaram algumas combinações pela esquerda, mas que acabaram não encontrando ninguém para finalizar. A última chance clara da primeira etapa foi aos 31, quando Pedro Castro encheu o pé de longe, Gledson se atrapalhou na defesa e a bola explodiu no travessão.

Golaços na Ressacada

O segundo tempo teve outro panorama, com o Avaí adotando uma postura mais reativa, e cedendo mais a posse de bola para o Botafogo, que teve bem mais domínio territorial. O Leão conseguiu uma escapada aos 7, quando Wesley recebeu bela bola de Bruno Silva, mas acertou a defesa.

Aos 19, Diego Gonçalves conseguiu passar bem por Edilson e bateu colocado, mas Gledson espalmou. As opções do técnico Claudinei Oliveira, Valdívia, Copete e Getúlio, aumentaram as possibilidades do Leão no contra-ataque, e o gol saiu aos 19. Lourenço recebeu de Copete na entrada da área, limpou Luís Oyama e bateu colocado: 1 a 0.

No restante da partida, o Botafogo passou a ir para o "abafa", mas sem muita organização. Aos 38, em cruzamento de Warley, que foi recuado para a lateral-direita para dar mais força pelos lados, Rafael Moura e Diego Gonçalves chutaram, mas a defesa bloqueou.

Mesmo tomando pressão, o Avaí teve duas grandes chances para matar o jogo. Aos 44, Copete avançou pela direita, bateu cruzado e Douglas Borges espalmou. João Lucas ficou com o rebote, girou e finalizou forte, mas outra vez o goleiro salvou. No minuto seguinte, o atacante colombiano teve mais uma oportunidade, desta vez em finalização da entrada da área, porém, de novo, o arqueiro botafoguense apareceu.

Depois do melhor momento do Avaí no segundo tempo, aos 47, o Botafogo conseguiu o empate. Warley cruzou da direita e Marco Antônio, livre, finalizou bonito para fazer 1 a 1. Os jogadores avaianos reclamaram muito pedindo impedimento, mas o meia botafoguense parecia em posição legal e o gol foi confirmado, frustrando o que seria a terceira vitória seguida do Leão da Ilha.

Classificação e próximos compromissos

O empate leva o Avaí aos 11 pontos, na décima colocação, duas atrás do Botafogo, que tem 12. As duas equipes ainda têm um jogo a menos.

Os times voltam a campo na próxima terça-feira (6), pela décima rodada. O Avaí joga em Campinas contra a Ponte Preta, às 19h, enquanto o Botafogo vai até Maceió para encarar o CRB, às 21h30.

VAVEL Logo