O dono do time
é o cabeça branca! Flamengo começa a entender Paulo Sousa
Foto: Reprodução / Flamengo

Em seu quarto jogo comandando o FlamengoPaulo Sousa aos poucos vai colocando suas digitais, e o time vai ganhando a cara do treinador. Alas protagonistas, construção de jogo, identidade e volume de gols, sobretudo movimentos sem a bola buscando os espaços são as virtudes e o estilo do português.

Fazendo uma análise bem distinta entre os tempos, o treinador apontou a simplicidade como fator decisivo para a goleada de 5 a 0 diante do Nova Iguaçu.

Aos poucos o técnico português vai implementando suas convicções. O time parece entender essa filosofia e mostra evolução a cada jogo. Em sua entrevista coletiva, ele fez questão de parabenizar o título mundial do baquete, mostrando que está mergulhado dentro do universo esportivo do clube.

"Eu gostaria, em nome de toda a minha comissão, de dar os parabéns ao Gustavo pelo resultado fabuloso. Trouxe ainda mais orgulho à nossa nação por todo seu empenho e pela grande vitória que teve. Para mim, seria muito simples convidá-lo para o CT, mas desde já vou me fazer convidado para ir ao encontro dele por tudo que ele tem feito pelo Flamengo e pelo basquete, que é outro esporte que eu amo bastante. Por isso, logo que puder, estarei com ele para dar os parabéns pessoalmente e aprender também com ele, que tem muito a me ensinar", falou Paulo.

Detalhes da goleada

O Flamengo iniciou o jogo com a seguinte escalação: Hugo Souza; Fabrício Bruno, Gustavo Henrique e Léo Pereira; Rodinei, Willian Arão, João Gomes, Arrascaeta e Everton Ribeiro; Marinho e Gabigol.

E logo no início da partida, o time da Gávea abriu o placar: Arrascaeta com muita qualidade cruza na área para a cabeçada do zagueiro Gustavo Henrique dar início a goleada.

"Claro que quando se ganha com muito volume de gols se identifica muitas coisas positivas. Tivemos alguma dificuldade no primeiro tempo enquanto o nosso adversário esteve fresco. No primeiro tempo tivemos mais capacidade de encontrar espaço pelos corredores laterais, não tanto nos corredores interiores porque nos faltou sobretudo movimentos sem bola em profundidade para poder criar nesse mesmo espaço", analisou Paulo Sousa.

"No segundo tempo, melhoramos porque nosso adversário se desgastou mais, mas sobretudo quando a nossa equipe teve dificuldade física procuramos ter mais simplicidade e jogar com a bola no pé. Procuramos o momento certo de dar velocidade e soluções também pelo corredor central. Foi isso que aconteceu porque são rapazes que merecem, vêm trabalhando bastante. O jogo é complexo, parece que não é tão complexo, mas é. Desta forma dou muitos parabéns a eles", continuou.

Um dos destaques da partida foi João Gomes, mostrando muita intensidade de força física. Desarmou cinco bolas da equipe adversária, e participou efetivamente das transições ofensivas da equipe flamenguista.

Paulo Sousa confessa o que já falamos aqui, que João Gomes está muito bem na fita:

"Antes de chegar sempre dei ele como referência (o Joao Gomes). Tem uma dinâmica muito boa com e sem a bola. Fisicamente é um jogador forte, tem muito espaço para poder melhorar."

Questionado sobre como ele vê a intensidade do jogo, se o time vem promovendo a forma como ele entende ser a melhor possível ele explica: Paulo Sousa:

"Eu mesmo tento me adaptar a intensidade do Brasil. Tem a temperatura, a humidade, a questão do gramado e também as faltas, que param muito os jogos."

Time titular em mente?

Outra questão abordada durante a entrevista coletiva foi, se o treinador já teria uma equipe titular em mente para a continuidade da competição:

"A equipe base é o meu elenco, são todos os jogadores que estão disponíveis. Durante um campeonato longo, temos que ter todos disponíveis, Continuar a dar ritmo de jogo a toda a nossa equipe e a todos os nossos jogadores de forma que estejam disponíveis para quando forem requisitados. E elevarem o nome do nosso clube e darem orgulho à nossa nação", disse.

Flamengo volta a campo pela sétima rodada na próxima quarta-feira (14) às 15h30, contra o Madureira.

VAVEL Logo