Maurício Barbieri desabafa após derrota para Botafogo: "Castigo que machuca"
Foto: Ari Ferreira/RB Bragantino

Em jogo sufocante contra o Botafogo, o RB Bragantino teve dois gols anulados, lance de possível pênalti checado e pressão, mas quem saiu com o resultado de 1 a 0 na noite desta segunda-feira no Estádio Abi Chedid foi o Alvinegro.  

Após o jogo o técnico Maurício Barbieri analisou a partida e disse que sua equipe finalizou mais que o adversário.

"Foi um jogo onde finalizamos mais que o adversário, o Cleiton fez uma defesa e numa bola parada eles acharam o gol, e você frisou bem tivemos os gols anulados, e eu até pediria a vocês que vissem as imagens aí que foram divulgadas da linha traçada, e reparem na cor do gramado, pra mim está linha está equivocada, errada e é bem claro isso. Mas não posso afirmar isso, peço pra vocês olharem, pois tem acesso a isso e que os responsáveis possam responder se estava ou não."

O técnico também falou sobre a questão defensiva diante a enxurrada de gols sofridos nos últimos jogos.

"Na semana procuramos trabalhar a questão defensiva, já tínhamos sofrido muitos gols nos últimos jogos, nos dois jogos seis gols aí, então a questão de tentar defender melhor, de não dá condição ao adversário de finalizar em situações favoráveis, e acabou que fizemos isso no jogo."

Barbieri ainda afirmou que sua equipe foi bem melhor que o adversário no jogo e sobre a dor do gol que levaram 

"Volto a dizer a gente gerou volume, geramos ataque, colocamos o adversário pra trás e é a postura deles, eles não criaram praticamente nada durante o jogo, mas na oportunidade que tiveram, eles foram mais eficientes, é um castigo, que machuca, que dói, justamente por que a gente conversou muito e os jogadores estão empenhados em que possamos trazer resultados, que possamos reverter esse quadro, mas muitas vezes o futebol tem dessas coisas inexplicáveis."

O Bragantino volta a jogar contra o Avaí no próximo sábado(9), novamente no Abi Chedid, às 16h30.

VAVEL Logo