Ponte Preta vence clássico e empurra Guarani para vice-lanterna da Série B
Foto: Álvaro Jr / Ponte Preta

Na manhã deste sábado (20), a Ponte Preta bateu o Guarani por 1 a 0 no dérbi número 204, no estádio Moisés Lucarelli, pela 25ª rodada da Série B do Brasileiro. O duelo diante de 16.850 torcedores findou com festa alvinegra, com um golaço de Fessin aos 35 da segunda etapa.

Começo tenso

O início do jogo foi nervoso, mas também cheio intensidade e show de faltas. Não demorou para o clima esquentar, depois de Madson chutar a bola em Fessin, caído no chão.

Com a bola rolando, o Guarani começou melhor, marcando forte em cima e tirou o campo da Ponte. Assustou aos 2, em corte de Fábio Sanches, na sequência em cabeçada de Madson defendida por Caíque França. A Ponte conseguiu chegar com perigo apenas aos 16, quando Fessin soltou a bomba, e Kozlinski pegou.

O rendimento caiu do meio para o fim, com equilíbrio nas ações apenas a chance de Wallisson, para a Ponte, em pancada dentro da área, já nos acréscimos, e findou a etapa inicial no zero a zero.

Festa alvinegra

Na etapa final, o Guarani, assim como no primeiro tempo, seguiu sendo melhor. Aos 5, Lucas Ramon, em cabeçada após cobrança de falta, obrigou Caíque a operar um milagre. Na sequência, a Ponte respondeu com Elvis, mas o chute saiu machucado. Com o jogo parado, o técnico alvinegro começou com as substituições.

As trocas de Hélio dos Anjos surtiram mais efeito. Moisés Ribeiro e Norberto entraram bem, enquanto isso a intensidade do Guarani diminuia aos poucos, a Macaca crescia. Aos 25, Artur teve uma arrancada, mas tomou a decisão errada no passe final. Na sequência, Fessin fez tudo certo, desarmou na ponta direita, abriu espaço para a canhota e acertou o alvo para abrir o placar.

O gol alvinegro, desestabilizou o Guarani. Logo na sequência, aos 37, Richard Rios foi expulso por entrada em Moisés - com nove minutos em campo, ele já estava amarelado, mas recebeu o vermelho direto. Mesmo com um a menos, aos 49, o Bugre teve uma chance de ouro para empatar, mas Caíque França fez mais um milagre nos pés de Rodrigo Andrade.

Classificação

Com o resultado a Ponte chega aos 32 pontos, sete a mais que o Operário, primeiro time do Z-4. Já o Guarani perde duas posições, na rodada e fica na vice-lanterna , com 23 pontos.

Próximos jogos

A Ponte volta a campo na quinta-feira (25), às 21h30, quando enfrenta o Novorizontino, fora de casa. Já o Guarani está marcado para sábado (27), às 11h, contra o Tombense, no Brinco de Ouro.

VAVEL Logo