Copinha VAVEL: o que esperar do Atlético-PR na Copa São Paulo de 2018

Com uma base nova em relação ao time que disputou a edição desse ano, o Furacão tentará surpreender na Copa São Paulo

Copinha VAVEL: o que esperar do Atlético-PR na Copa São Paulo de 2018
Time não conseguiu ir longe na última edição (Foto: Fabio Wosniak / Site Oficial)

Nos últimos anos, as categorias de base tem servido muito bem ao time profissional do Atlético-PR. Se não com protagonistas, mas com bons jogadores que ajudam a formar um elenco homogêneo e com mais juventude. Para 2018, a expectativa é de que, dessa vez, o time consiga avançar um pouco mais na Copa São Paulo de Futebol Júnior, que em 2017, quando foi eliminado pelo Ituano, na segunda fase.

Estreias

Quase nenhum jogador que atuou nessa temporada, fará parte do elenco que jogará em 2018, contando com algumas estreias, inclusive de jogadores que passaram o ano atuando pela equipe sub-17, campeã estadual da categoria. Um deles é Lucas Halter, zagueiro que acumula convocações para a Seleção Brasileira, disputando o Sul-Americano e Copa do Mundo da categoria como titular. Em entrevista ao site oficial do Atlético-PR, ele falou um pouco sobre a expectativa pela competição.

Halter será uma das opções do técnico Marcão (Foto: Fabio Wosniak / Site Oficial)
Halter será uma das opções do técnico Marcão (Foto: Fabio Wosniak / Site Oficial)

“A minha expectativa é muito grande. Apesar de contarmos com um grupo novo, estamos confiantes e não tenho dúvidas que vamos fazer um excelente trabalho na Copa São Paulo”, afirmou Halter. “A experiência na Seleção ajuda bastante porque joguei com grandes jogadores do Brasil e de outros países. Apesar de ser novo, tenho como passar um pouco dessa experiência para os meus companheiros”, afirmou.

Outro que também estreará na Copa São Paulo, mas com menos experiência que Halter, é o lateral esquerdo Marcel que, inclusive, vem atuando como titular nos jogos de preparação para a copinha. Com 17 anos, ele também esteve no time que conquistou o paranaense.

Preparação

Como o time do Furacão contará com muitos atletas do sub-17, a diretoria de futebol do Atlético-PR decidiu por colocar o técnico Marcão, que comandou essa categoria em 2017, como treinador principal da equipe sub-20. Experiente nas competições de base, ele sabe bem da dificuldade que enfrentará na Copa São Paulo, mesmo contra equipes consideradas pequenas, já que elas sempre surpreendem.

Marcão tem histórico vitorioso nas divisões de base (Foto: Fabio Wosniak / Site Oficial)
Marcão tem histórico vitorioso nas divisões de base (Foto: Fabio Wosniak / Site Oficial)

“É uma competição muito forte. Mesmo as equipes de menor expressão têm muita qualidade. Isso faz com que tenhamos partidas muito competitivas e sabemos que apenas a camisa não vencerá os jogos. É preciso ter atenção desde a primeira partida e o foco começa já nesta preparação aqui em Curitiba”, ressaltou.

Para se preparar melhor, o técnico decidiu por fazer amistosos de preparação contra equipes profissionais, para elevar o nível dos treinamentos. Os dois jogos foram realizados contra equipes de Santa Catarina, Joinville e Brusque, respectivamente. Na primeira partida, pela falta de entrosamento, o time foi derrotado por 2 a 0. Já na segunda, vitória sobre 1 a 0, com gol de Jáderson.

Jogos


03/01/2018 - 1ª rodada - 16h
Atlético-PR x Rio Preto-SP
Arena Plínio Marin, em Votuporanga-SP

06/01/2018 - 2ª rodada - 16h
EC Timon-PI x Atlético Paranaense
Arena Plínio Marin, em Votuporanga-SP
 
09/01/2018 - 3ª rodada - 16h
Votuporanguense-SP x Atlético Paranaense
Arena Plínio Marin, em Votuporanga-SP