Grêmio sente desfalques em atuação abaixo, mas Michel marca e garante vitória ante Atlético-GO

Tricolor gaúcho teve poucas chances de gol durante a partida, mas foi mortal em ataque no segundo tempo e mantém distância ao líder Corinthians

Grêmio sente desfalques em atuação abaixo, mas Michel marca e garante vitória ante Atlético-GO
Foto: Lucas Uebel / Grêmio
Atlético-GO
0 1
Grêmio
Atlético-GO: ELIPE; ANDRÉ CASTRO, ROGER CARVALHO, GILVAN E BRUNO PACHECO; PAULINHO, IGOR (LUIS FERNANDO), ANDRIGO E JORGINHO (SILVA); NILTINHO E WALTER.
Grêmio: MARCELO GROHE; LEONARDO GOMES, BRESSAN, KANNEMANN E BRUNO CORTEZ; MICHEL, ARTHUR (LINCOLN), RAMIRO, FERNANDINHO E PEDRO ROCHA; EVERTON.
Placar: 0-1, Michel
INCIDENCIAS: Partida válida pela 18ª rodada da Série A, disputada no estádio Olímpico de Goiânia

Atlético-GO e Grêmio enfrentaram-se na noite desta quarta-feira (2) pela 18ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O jogo iniciou com um minuto de silêncio para homenagens ao ex-prefeito de Goiânia Paulo Garcia e ao ex-presidente do Grêmio, Hélio Dourado. Na partida que aconteceu no estádio Olímpico de Goiânia, o Grêmio, apesar da atuação abaixo do nível normal, foi mortal no segundo tempo e garantiu os três pontos.

Mantendo a mesma distância de 8 pontos para o líder Corinthians, o tricolor continua firme na vice-liderança somando 36 pontos. Já o Atlético-GO se complica mais e é o último colocado no Brasileirão com apenas 12 pontos ganhos.

O Grêmio volta a campo no próximo domingo (6) contra o Atlético-MG na Arena do Grêmio, às 16h00. Já o Atlético-GO visita o Fluminense no Maracanã neste sábado (5), às 19h00. As partidas são válidas pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Primeiro tempo de apagão tricolor dá espaços ao Atlético-GO

O Grêmio mostrou-se perdido em campo nos 45 minutos iniciais da partida. O Atlético-GO entrou em campo com duas linhas de defesa, com 4 e 5 jogadores para barrar o ataque do Grêmio, que não conseguiu ser efetivo na primeira etapa. Sentindo a pressão da falta de Luan na partida não conseguiu nenhuma chance clara de gol. Aos 10 minutos, Fernandinho foi o mais próximo de chegar ao gol do Atlético-GO, mas sem perigo para o goleiro Felipe. Na seguida do lance, Walter domina pela esquerda e tentar chutar na área direto para as mãos do goleiro Marcelo Grohe.

A novidade do jogo, o lateral Leonardo Gomes tentou tabelar com o meia Ramiro por diversas vezes, mas a linha defensiva do Dragão bloqueou com eficiência as jogadas. Aos 17 minutos, Marcelo Grohe fez boa defesa após chute de Jorginho na entrada da área pelas costas do lateral Léo Gomes. Ramiro, aos 19 minutos, conseguiu espaço no campo do Atlético-GO após tabela com Arthur mas após um passe muito longo não conseguiu mandar para a pequena área. E em um jogo atípico do tricolor gaúcho, o atacante Walter, após erro do zagueiro Kannemann conseguiu entrar na pequena área tricolor mas pecou na finalização ao chutar em cima da marcação.

Presente mais uma vez no time titular o atacante Everton acabou tendo que jogar mais recuado para concluir a troca de passes tricolor, com isso não conseguiu finalizações e teve pouca participação no inicio da partida. Já aos 25 minutos, mais uma boa jogada de Walter para o Atlético-GO e finalizou arrancando uma grande defesa do guarda redes tricolor que espalmou para dentro da área e no rebote o meia Andrigo também tentou a finalização mas chutou por cima da goleira de  Marcelo Grohe.

O time goiano seguiu na pressão e aos 40 minutos de partida perdeu uma grande chance com o zagueiro Roger Carvalho que após bola cabeceada para o gol encontrou as traves, no rebote Cortéz afasta o perigo para o tricolor. Sem mais chances a partida encerrou-se sem acréscimos nesta primeira etapa.

Grêmio muda time e postura em busca do resultado na segunda etapa

O tricolor gaúcho começou o segundo tempo com uma pela arrancada pela direita, com Arthur, mas foi travado. Nos lances seguintes, o Grêmio tentou por mais duas vezes chegar a área do dragão pela lateral direita com Fernandinho e Leonardo Gomes mas sem eficiência para conclusão. Aos 11 minutos a primeira substituição do jogo, sai o volante Arthur para a entrada de Lincoln, que logo aos 12 minutos já parou o zagueiro Gilvan, sem falta, na tentativa de contra-ataque da equipe goiana.

Aos 13 minutos, Roger Carvalho para o zagueiro Kannemann com carrinho que resultou em um pisão no zagueiro tricolor que caiu em campo e precisou ser atendido. Com 15 minutos a chance mais próxima do Grêmio na área do dragão, Pedro Rocha fez a jogada individual no contra ataque após roubar a bola e arriscou o chute mas parou na marcação eficiente do Atlético-GO. Após esse lance, logo aos 16 minutos foi a vez de Everton arriscar mas o goleiro Felipe fez boa defesa e parou o ataque tricolor.

Aos 17 minutos, o zagueiro Kannemann recebeu cartão amarelo por ficar em campo sangrando e negar o atendimento, após lance do carrinho com Roger Carvalho. Com 18 minutos, mais uma vez Walter chega com eficiência na área tricolor e arrisca o chute que levou perigo ao goleiro Marcelo Grohe. Com 20 minutos da segunda etapa mais uma grande chance para o tricolor gaúcho após jogada de Fernandinho que parou nas mãos do goleiro Felipe.

Aos 28 minutos, mais uma troca no Grêmio, o lateral Léo Moura volta ao time após recuperação de lesão. No decorrer do jogo, apenas troca de passes e tentativas de infiltração na área adversária mas sem sucesso para ambas equipes. Aos 37 minutos, o Grêmio definiu a partida com o meia Michel. Após jogada de Léo Moura e Lincoln, que deu o passe para o Michel marcar o gol e garantir os três pontos para a equipe gaúcha. O meia Michel que já jogou no Atlético-GO conteve-se em comemorar o gol em respeito ao time goiano. Após o gol, o Grêmio teve domínio da partida mas não conseguiu aumentar a vantagem no placar.

Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense