LA Rams e NO Saints decidem o título da NFC no Superdome
Foto: Reprodução/LA Rams

LA Rams e NO Saints decidem o título da NFC no Superdome

Num duelo de grandes pontuadores, o fator casa pode ser o diferencial na partida que defne a primeira vaga do Super Bowl

adaniasouza
Adânia Souza

Restam apenas dois times na Conferência Nacional da NFL. O New Orleans Saints recebe o Los Angeles Rams na disputa por uma vaga no Super Bowl, às 18h05 deste domingo (20), no Superdome. Na semana 9, os Saints levaram a melhor por 45 a 35, somando 141 jardas e cedendo 92. O running back Alvin Kamara anotou três touchdowns, alcançou uma média 5,1 jardas percorridas em 23 jogadas. Dez de seus toques na bola terminaram em TD ou em first down.

Portanto, pode parecer que a receita para a vitória dos Rams está definida. Já que o time anulou o melhor RB da Liga no último sábado (12). Ezekiel Elliott correu apenas 47 jardas em 20 tentativas, a terceira pior marca de sua carreira, e o Dallas Cowboys acabou derrotado por 22 a 30. Mas a força ofensiva do adversário deste domingo não se limita a uma peça única.

Elliott vai ao chão contra a defesa dos Rams. Foto: Reprodução/LA Rams
Elliott vai ao chão contra a defesa dos Rams. Foto: Reprodução/LA Rams

Na semana 9, New Orleans contou com 211 jardas do wide receiver Michael Thomas, que também somou 171 na vitória contra o Philadelphia Eagles, por 20 a 14, na última rodada. Os donos da casa apostam ainda na força do RB Mark Ingram. A dupla Ingram-Kamara somou 2.407 jardas e 25 touchdows em 434 toques na bola oval, sendo 20 dos TD’s anotados em corridas na red zone. O score de Kamara só perde para o de Todd Gurley, a grande estrela dos Rams. Mas, na última rodada, o destaque ofensivo dos californianos foi CJ Anderson, que ajudou a equipe a construir uma vantagem de 20 a 3 contra Dallas antes do intervalo.

Por isso, a defesa dos Saints deve estar muito atenta e não pode repetir a atuação que teve contra os Eagles, quando cedeu 14 pontos no primeiro quarto. LA é o segundo time que mais marcou pontos nessa temporada, seguido de perto por Nola, com a terceira maior soma. Por isso, o desempenho na red zone e nas terceiras descidas pode ser o diferencial que carimba o passe para o Super Bowl.

Os Saints anotaram TD’s em 70,4% de suas passagens pelas 20 últimas jardas do campo, enquanto os Rams ficaram com 57,1% de aproveitamento. Já a defesa de Louisiana cedeu 64% dos TD's adversários na red zone, enquanto os californianos cederam 59,3%. Quando o relógio marca a terceira descida, a estatística joga do lado dos carneiros, com o ataque convertendo 45% das jogadas e a defesa cedendo apenas 37,2% das conversões. Já os Saints renovaram suas descidas em 44,6% das jogadas e cederam 41,3% aos adversários.

Thomas e Kamara contra os Eagles. Foto: Reprodução/NO Saints
Thomas e Kamara contra os Eagles. Foto: Reprodução/NO Saints

Mas, segundo a imprensa de Nova Orleans, o fator casa tem tudo para decidir neste domingo. “Existe a vantagem do mando de campo na temporada regular, mas aí vem a vantagem do Dome nos playoffs”, nas palavras de NOLA.com. O pass rating do quarterback Drew Brees foi 129.1 nos oito jogos em casa nessa temporada. A última vez que o Superdome recebeu uma decisão da NFC, os Saints derrotam o Minnesota Vikings por 31 a 28 mesmo com uma estatística muito inferior.

Os Vikings converteram 31 first downs contra 15 dos Saints. Em jardas totais, o saldo final foi 475 contra 257 a favor de Minnesota, que ainda assim perdeu. A dupla Drew Brees-Sean Payton (head coach dos Saints) venceu seis jogos consecutivos de playoff em seus domínios. Por isso, os locais confiam tanto no fator Superdome. A prova final será no domingo, diante dos 73 mil torcedores que já esgotaram os ingressos da decisão.

VAVEL Logo