Português Miguel Oliveira vence dramática corrida da Moto3 em Sepang
Miguel Oliveira comemora vitória na Malásia e ainda pode sonhar em ser campeão. (Foto: Reprodução/MotoGP)

A penúltima etapa do Mundial de Moto3 realizada hoje em Sepang, na Malásia, foi dramática. A luta pela vitória chegou a envolver dez pilotos. No final, Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo) foi quem se deu melhor. O português conseguiu a vitória depois de uma arrojada e belíssima ultrapassagem na última curva da última volta.

Oliveira fez uma corrida que misturou inteligência e arrojo. Quando as luzes vermelhas se apagaram, o português assumiu a liderança da corrida, seguido por Romano Fenatti (SKY Racing Team VR46) e Jorge Navarro (Estrella Galicia 0,0). Niccolò Antonelli (Ongetta-Rivacold), que havia saído da pole, largou muito mal e caiu para sétimo. Danny Kent (Leopard Racing) também não fez uma boa saída, chegando a parar no 16º lugar na fase inicial da prova.

Nas primeiras voltas, a luta pela primeira posição era intensa entre Oliveira, Fenati, Navarro, Francesco Bagnaia (MAPFRE Team MAHINDRA), Enea Bastianini (Gresini Racing Team Moto3) e Jakub Kornfeil (Drive M7 Sic). Enquanto isso, Kent sofria para tentar recuperar as muitas posições perdidas na largada.

Curiosamente, a escalada de Kent na corrida começou logo depois de um acidente envolvendo seus dois companheiros de equipe, Hiroki Ono e Efrén Vázquez. No meio do acidente acabou passando Bastianini, que perdeu tempo depois de evitar se chocar contra as motos dos dois. Pouco antes, Zulfahmi Khairuddin (Drive M7 SIC), que também andava no bolo que pressionava o inglês, caiu, mas sem outro piloto envolvido.

Enquanto Kent tentava se livrar do meio do pelotão, a briga pelo primeiro lugar era muito intensa. Antonelli já começava a se recuperar na corrida e Brad Binder (Red Bull KTM Ajo) também conseguiu entrar no meio da disputa.

Quando a corrida passou da metade, Kent conseguiu colocar-se logo atrás dos pilotos que disputavam a vitória. O inglês, porém, preferiu não arriscar manobras de ultrapassagem, para tentar evitar mais uma queda. Porém, para tentar conquistar o titulo por antecipação na Malásia, ele sabia que era preciso atacar em algum momento, pois Oliveira estava firme na luta pelo primeiro lugar.

Pouco antes das últimas voltas, Bagnaia caiu, fazendo com que Kent conseguisse subir para sexto. O inglês chegou a ocupar o quinto lugar depois de superar Antonelli, mas perdeu a posição em pouco tempo. Na frente, Oliveira, Binder, Fenati e Navarro trocavam suas posições na pista com muita intensidade.

A história da prova em Sepang seria decidida não apenas na última volta, mas depois da última curva da última volta. Oliveira conseguiu uma belíssima manobra para superar Binder e Navarro, pulando de terceiro para primeiro. Binder, sustentou o segundo lugar, com Navarro em terceiro.

Oliveira comemorou a sua quinta vitória no campeonato, com Binder satisfeito em segundo e Navarro fechando o pódio. Antonelli, Fenati e Kornfeil acabaram perdendo a chance de pódio e concluíram nas quarta, quinta e sexta posições, respectivamente. Só que mais uma vez, o grande derrotado do dia foi Kent, que foi apenas o sétimo, não conseguindo confirmar o titulo da temporada por antecipação.

Bastianini, que recuou de segundo para terceiro no campeonato em duas corridas, completou em oitavo, a frente da dupla da equipe SAXOPRINT RTG, Alexis Masbou e John McPhee, que completaram o top 10. Clique aqui para conferir o resultado completo.

A próxima e última etapa do Mundial de Moto3 será em Valência, no dia 8 de novembro.

VAVEL Logo