Rei da Itália! Leclerc supera clima e lidera treinos livres de sexta
Charles Leclerc foi soberano nas duas sessões de treinos livres (Foto: Reprodução/F1)

Rei da Itália! Leclerc supera clima e lidera treinos livres de sexta

Na casa da Ferrari, a chuva deu o ar da graça , causando pitadas de emoção e festa na equipe que também teve Vettel em terceiro

mmichaelfranco
Michael Franco

O tempo, mais uma vez, foi o ator principal no segundo treino livre desta sexta-feira (6) para o Grande Prêmio da Itália, no tradicional Circuito de Monza. Com alguns períodos de chuva, a pista tinha trechos úmidos e secos, proporcionando desafio para equipes e pilotos. Charles Leclerc foi quem melhor dominou as mudanças climáticas e deu um presente aos apaixonados pela Ferrari com o melhor tempo nas duas práticas. No último treino livre de hoje cravou 1m20s978, com diferença de 0s068 para o segundo colocado, Lewis Hamilton. 

Sebastian Vettel fechou a sessão em terceiro,  0s201 atrás do líder. Valtteri Bottas ficou com o quarto melhor tempo, seguido dos dois carros da RBR, pilotados por Max Verstappen e Alexander Albon. O top 10 foi completado por Pierre Gasly (STR), Romain Grosjean (Haas), Daniel Ricciardo (Renault) e Daniil Kvyat (STR).

Começo agitado

Por não terem conseguido utilizar a pista seca na primeira sessão, e com previsão de mais chuva batendo à porta, os pilotos esquentaram o asfalto de Monza logo no início da segunda prática. 

De pneus médios, Bottas foi quem dominou o início do treino. No entanto, teve sua marca rapidamente batida por Leclerc, que vinha com um jogo de pneus duros. Também com composto médio, Hamilton tomou a liderança do monegasco. Vettel não queria ficar de fora da festa, pulando para segundo após um erro em sua volta. Verstappen também atacava os líderes e chegou a passar Leclerc.

Escorregadas

Após a chuva e com a pista já seca, alguns pilotos ainda tinham dificuldades para guiar as máquinas. Foi um festival de escapadas. Albon, Raikkonen, Bottas, Norris, Vettel e Kvyat foram vítimas da primeira chicane e saíram da pista.

Quanto mais os pneus esquentavam, os tempos caíam na mesma proporção. Bottas colou em Hamilton com diferença de 0s073 do primeiro colocado.

Nossa casa, nossas regras

Vendo a Mercedes dominar os trabalhos em Monza, a dona casa, a italianíssima Ferrari, colocou jogos de pneus macios tanto no carro de Lecler como no de Vettel. Aos 20 minutos de sessão, o monegasco cravou 1m20s978, e logo em seguida o alemão, após ter feito o melhor primeiro setor, ficou 0s201 atrás. E a dobradinha seguiu até quase o fim do treino, quando Hamilton estragou a festa vermelha, pegando para si a segunda posição.

Chove e seca

Já havia meia-hora de treino quando a chuva começou a cair. Todos os pilotos voltaram aos boxes na esperança do fim da precipitação. Por cerca de 30 minutos, ninguém carro quis arriscar volta na pista. esperando que a precipitação parasse. Por mais de meia hora, nenhum carro entrou na pista.

Nesse meio tempo, a direção de prova determinou que a pista fosse limpa no trecho da Variante della Roggia.

Com a trégua da chuva, a ação voltou ao asfalto. De macios, Hamilton assumiu a vice-liderança para não perdê-la mais. Logo depois, uma garoa caiu em Monza. Apesar da pista ter ficado apenas úmida, nenhum dos líderes arriscou baixar o tempo e o restante do treino foi usado para acerto nos carros.

Neste sábado (7), os pilotos disputam o terceiro treino livre às 7h, e a classificação começa às 10h.

 

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo