Em partida de 81 aces, Opelka salva seis match points, bate Isner e segue para a final em New York
Foto: Divulgação/ATP

Em partida de 81 aces, Opelka salva seis match points, bate Isner e segue para a final em New York

Jovem norte-americano surpreendeu top 10 pela segunda vez em 2019, e venceu em longos três tiebreaks no jogo com mais aces de que se tem registro na ATP

_acechard
Pedro Dayrell

Uma partida memorável. O #89 Reilly Opelka, de apenas 21 anos, garantiu durante a noite deste sábado (16) a passagem para a final do ATP 250 de New York, ao bater, pela segunda vez em 2019, o compatriota #9 John Isner com os parciais de 6/7(8), 7/6(14) e 7/6(4), em 2h35 minutos de jogo. Opelka salvou seis match points no decorrer da partida.

Como se esperava, foi um jogo onde os serviços fizeram toda a diferença, ou não estaríamos falando de dois jogadores com mais de dois metros de altura. Aliás, durante o encontro não se registou qualquer quebra de serviço, os três sets foram decididos no tiebreak, sendo que Isner disparou 38 aces, contra 43 de Opelka. Este foi o recorde de aces em uma partida de três sets - 81 - desde que o registro começou em 1991, superando o duelo entre Kyrgios e Harrison em Brisbane 2019, que teve 71.

Um dos momentos mais emocionantes esteve no tiebreak da segunda parcial. Isner teve incríveis seis match points, no entanto, Opelka conseguiu sempre resistir e levou o encontro para o terceiro set, que acabaria por seguir até novo desempate, onde o número 89 do ranking mundial conseguiu ser superior.

Opelka enfrenta na decisão do New York Open outro novato em finais, o canadense #154 Brayden Schnur, que eliminou nas semifinais o #49 Sam Querrey.

VAVEL Logo