Putintseva vira jogo tenso contra Muguruza em Roma; Jabeur e Swiatek mantêm embalo
Foto: Jimmie48/WTA

Com uma grande reação, a #40 Yulia Putintseva bateu a #10 Garbiñe Muguruza pela primeira vez e assegurou vaga às oitavas de final do WTA 1000 de Roma. A cazaque bateu a ex-número 1 do mundo de virada, com parciais de 3/6, 7/6(4) e 6/1, em 2h20, nesta quarta-feira (11).

No início do segundo set, Putintseva havia acertado uma bolada na espanhola, que não gostou. Mesmo assim, Muguruza fazia uma atuação segura e só tinha sofrido uma quebra até sacar para o jogo quando liderava por 6/3 e 5/4, mas acabou perdendo a chance.

A perda no tiebreak acabou tirando Muguruza do jogo. No set final, Putintseva só perdeu quatro pontos no serviço e venceu os seis últimos games da partida para buscar a grande vitória. A cazaque saiu limpando poeira dos ombros após o fim da partida e recebeu um aperto de mãos bem frio da espanhola. 

Sem embalar na temporada, Muguruza só venceu um dos últimos cinco jogos e tem um recorde de seis vitórias e sete derrotas em 2022.


A próxima adversária de Putintseva no Internazionali BNL d'Italia será a embalada #7 Ons Jabeur. Campeã em Madrid na última semana, a tunisiana derrotou a #41 Ajla Tomljanovic e venceu a oitava seguida na temporada. Jabeur anotou 7/5 e 6/2, em 1h33.

Tomljanovic aproveitou o início oscilante da tunisiana, abriu 5/3 e chegou a sacar para o set na primeira parcial, mas perdeu 10 dos 12 games seguintes. Após enfrentar seis break points em suas quatro primeiras passagens no serviço, Jabeur não foi mais ameaçada e, no segundo set, dominou, com apenas sete pontos perdidos no saque.

Jabeur e Putintseva já se enfrentaram duas vezes, e a tunisiana venceu ambas: em Tianjin 2019 e em Roland Garros 2021.

Atual campeã supera estreia

Em busca de seu quinto título em sequência na temporada e defendendo o troféu na capital italiana, a #1 Iga Swiatek estreou com vitória tranquila. Ela bateu a lucky loser #57 Elena-Gabriela Ruse com parciais de 6/3 e 6/0, em 1h09. 

Após optar por não atuar em Madrid por causa da sequência de partidas, Swiatek começou com certa dificuldade na primeira parcial. A polonesa chegou a perder o saque duas vezes, no sexto e oitavo games, mas Ruse também não conseguiu manter o seu serviço, cedendo break points em todas as suas passagens no saque na partida e sendo quebrada em 7/8 delas.

Swiatek chegou a 24 vitórias consecutivas no circuito, o que ninguém conseguia desde Serena Williams em 2015. Além disso, ela aplicou o nono 'pneu' no ano, cinco a mais que a segunda colocada na lista.

A próxima adversária de Swiatek em Roma será a #16 Victoria Azarenka, que vem de vitória sobre a #58 Camila Osorio. Elas já se enfrentaram duas vezes até hoje, com uma vitória para cada (a polonesa venceu em Adelaide 2022 e a belarussa no US Open 2020)

VAVEL Logo