Carreño Busta completa semana brilhante com vitória sobre Hurkacz e é campeão em Montreal
Mathieu Belanger/Tennis Canada

O #23 Pablo Carreño Busta venceu o Masters 1000 de Montreal na final que aconteceu neste domingo (14), em duelo contra o #10 Hubert Hurkacz. Ele anotou 6/3, 3/6 e 3/6 e se tornou o quinto campeão inédito consecutivo em torneios deste nível. 

Os finalistas dividiam os encontros anteriores, que aconteceram em 2021 em quadras rápidas, Carreno Busta venceu em Cincinnati e Hurkacz venceu na final do Moselle Open, curiosamente, com o mesmo placar nas duas situações: 7/6(2) e 6/3.

Carreño Busta sofreu a quebra no quinto game do jogo, que terminou em 6/3 para o polonês. Hurkacz, que vinha sacando de forma excepcional no torneio, veio forte para esta final, mas a potente máquina de aces descalibrou um pouco no meio do jogo. Logo veio a quebra no início do segundo set, que terminou em 3/6 para o espanhol, que esteve muito seguro na rede e marcou pontos plásticos nas trocas.

No set decisivo, novamente Carreño Busta conseguiu duas quebras que o fazem campeão em um repetido 6/3.

Marcas

Agora, Carreño Busta desempata o confronto direto contra Hurkacz com esta vitória. O espanhol de 31 anos vence pela primeira vez um Masters 1000, em uma semana brilhante em que perdeu apenas dois sets, um na semifinal para Daniel Evans e o primeiro deste jogo contra Hubert Hurkacz.

Passando por jogadores de altíssimo nível em seu caminho até este título, o espanhol vai subir para o 15º lugar do ranking mundial e pode sonhar em voltar ao top 10 da ATP e se juntar aos compatriotas #3 Rafael Nadal e #4 Carlos Alcaraz. 

VAVEL Logo