Taubaté vence Sada Cruzeiro fora de casa e sai à frente na semifinal da Superliga
Foto: Reprodução/Facebook/Vôlei Taubaté

Taubaté vence Sada Cruzeiro fora de casa e sai à frente na semifinal da Superliga

Com show de Lucarelli, paulistas impõe seu ritmo, fazem 3 a 1 e abre vantagem na luta pela vaga

thais-alcantara
Thaís Alcântara

O EMS/Taubaté Funvic foi até o Riacho, em Contagem, enfrentar o Sada Cruzeiro na noite deste sábado (06) no primeiro jogo da semifinal da Superliga Masculina. Com grande volume de jogo, os paulistas comemoraram a vitória por 3 a 1 (28/30, 19/25, 25/21 e 24/26) e deram um importante passo na série melhor de cinco. O ponteiro Lucarelli comandou o triunfo dos visitantes e levou o troféu VivaVôlei.

Na próxima terça-feira (09) os times voltam a se encontrar, desta vez no ginásio do Abaeté. Diante dos seus torcedores, os paulistas vão em busca da vitória que lhe aproximaria da final do torneio nacional. 

Como foi o jogo

Com grande aproveitamento no saque, o Cruzeiro pressionou a linha de passe adversária e disparou: 8 a 2. Vendo o time perdido em quadra, Renan Dal Zotto fez a inversão 5-1 e a mudança surtiu efeito. Com a melhora do time na virada de bola, o Taubaté encostou no placar: 16 a 15. No bloqueio simples de Lucão pra cima de Isaac, os paulistas deixaram tudo igual: 19 a 19. O duelo seguiu equilibrado e disputado ponto a ponto, até que Vissoto contou com o erro da defesa cruzeirense e garantiu o triunfo dos visitantes: 30 a 28.

O segundo set começou com o empate prevalecendo: 9 a 9. No ace de Conte, o Taubaté conseguiu a primeira vantagem de algum dos times na parcial: 16 a 14. Com muitos erros de saque, o Cruzeiro ia se complicando: 21 a 18. Vissotto fechou a porta para Rodriguinho e deu números finais: 25 a 19.

Pressionada, a Raposa entrou forte na terceira etapa e, nos bons saques de Sander, abriu 6 a 0. Assim como na primeira parcial, Dal Zotto apostou na inversão e conseguiu diminuir a desvantagem: 12 a 10. Apesar do equilíbrio, o time cinco estrelas se mantinha à frente do placar: 21 a 18. Cachopa acionou Sander pelo meio fundo e o americano manteve a equipe celeste viva na partida: 25 a 21

No início do quarto set, ninguém conseguia se desvencilhar no placar: 8 a 8. Com muitos erros de saques de ambos os lados, os times chegaram na parte final do set empatados: 15 a 15. O primeiro a conseguir uma vantagem foi a Raposa, que fez 18 a 16 após ace de Isaac. Sob os comandos de Lucarelli, o Taubaté reagiu e passou à frente: 20 a 19. Em um final de jogo emocionante, a estrela do ponteiro Douglas Souza brilhou e, em dois bons saques, ajudou os visitantes a fecharem o jogo e saírem na frente em busca da final: 26 a 24.

VAVEL Logo