Diguinho confia em rendimento do Vasco para o restante da temporada e exalta primeiro turno

Volante destacou a importância da semana de folga que tiveram e período sem jogos para a adaptação dos jogadores recém contratados.

Diguinho confia em rendimento do Vasco para o restante da temporada e exalta primeiro turno
(Foto: Divulgação/Vasco da Gama)

Líder isolado da Série B, bicampeão Carioca de forma invicta, classificado às oitavas de final da Copa do Brasil. O início de ano para o Vasco não poderia ser melhor. Com quatro pontos de vantagem para o segundo colocado, o Gigante da Colina segue com confiança para o restante da temporada e para conquistar a vaga antecipadamente para voltar a Série A.

O elenco, treinado por Jorginho, não é o mais forte em território nacional, mas é um dos mais eficientes. Tem seus momentos de baixa, porém, não é nada preocupante para o restante da temporada. Em coletiva concedida após o treino, Diguinho comentou sobre o primeiro semestre e também a respeito desse período sem jogos, o que para ele seria bom para o entrosamento dos recém-chegados.

“Período importante para recondicionar todo o grupo. Tivemos uma batida muito forte no primeiro semestre, com jogos do Estadual e do primeiro turno do Brasileiro, além da Copa do Brasil. Para mim, particularmente, caiu como uma luva, já que não consegui fazer uma boa pré-temporada em virtude de uma lesão que acabei sofrendo no começo dela. Esse tempo tem sido excelente para ambientar os jogadores que chegaram, casos do Éderson, do Júnior Dutra e do Rafael Marques. Além disso, recuperamos o Nenê, jogador importante da nossa equipe. Então, a fase de treinamentos é super válida. Estamos treinando forte para fazer um bom segundo semestre”, comentou.

"Quando se joga numa equipe de expressão, como é o caso do Vasco, temos obrigação de pensar sempre em coisas grandes. Nosso grupo sabe que fez um excelente primeiro semestre, mas nada disso será lembrado se não conseguirmos atingir outras metas nesse fim de ano. Estamos cientes do quanto significa recolocar o Vasco na elite e levar o clube ao título da Copa do Brasil. Então, diante do Sampaio Corrêa já vamos em busca da vitória. Queremos manter a liderança e ampliar a vantagem para o segundo colocado, até mesmo para focarmos na Copa do Brasil, onde enfrentaremos o Santos uma equipe jovem, qualificada, de toques rápidos e que vem brigando pela liderança na Série A", finalizou.