Fortaleza Esporte Clube
Fortaleza Esporte Clube
Football Team
Soccer

Fortaleza Esporte Clube

1918 Fortaleza, Ceará


Fortaleza Esporte Clube é uma agremiação esportiva da cidade de Fortaleza, capital do estado nordestino do Ceará. Foi fundada no dia 18 de outubro de 1918 e tem as cores azul, vermelha e branca. Os maiores rivais do Fortaleza é o Ceará Sporting Club e o Ferroviário Atlético Clube. Mascote da equipe fortalezense é o raçudo e forte Leão, que, estatuto do clube, representa a força e a bravura dos guerreiros nordestinos. Em toda a história, muitos torcedores, jornalistas esportivos e historiadores se referem-se ao treinador Rogério Ceni como o maior ídolo. Muita dessa idolatria se dá por conta da identificação que o ex-goleiro do São Paulo Futebol Clube desenvolveu com a torcida. Além dos títulos inéditos do Campeonato Brasileiro Série B 2018 e da Copa do Nordeste 2019, entrando de vez na memória tricolor. Também vale ressaltar que foi com ele que o Fortaleza Esporte Clube se classificou para disputar sua primeira competição internacional: a Copa Sul-Americana de 2020.

Por ter o azul, o vermelho e o branco, o Fortaleza tem como um de seus apelidos a alusão às três cores, logo "Tricolor". Essa combinação é uma homenagem do fundador Alcides Santos às cores da bandeira da França. Assim, nos estádios, elas proporcionam uma harmonia inigualável, como na marchinha tradicional da torcida: "O feitiço do teu jogo está nas cores, daquelas camisas tricolores".

Mascote do Tricolor de Aço foi criado através dos pensamentos do jornalista e ex-dirigente do Fortaleza, Sílvio Caslos, com a ajuda do amigo jornalista Vicente Alencar. Tudo no final da década de 60. Foi por eles que o Leão está criado, em homenagem à trajetória de dedicação dos atletas que passaram pelo clube, representando a fibra de um nordestino e a garra do próprio animal leão. Aí logo está, a representação da força nordestina do Fortaleza num Leão.

Origem

No ano de 1912, o futebol torna a ser praticado no clube social da capital cearense chamado de Fortaleza da Belle Époque. Era ali também que a França se fazia bastante presente na sociedade local pelo exemplo, na época, de elegância, de civilização, de estudos. Muitos jovens da aristocracia dali realizavam estudos lá na Europa, na própria França. E foi desse país europeu que o jovem Alcides Santos voltara ao Brasil em 1912. Com o pensamento esportivo visto no território francês, ele funda um clube chamado apenas Fortaleza, mas foi extinto seis anos logo após sua criação. Mas na data de 18 de outubro de 1918, origina uma nova agremiação, chamada de Fortaleza Sporting Club — o que segue até hoje. Foi daí que começou toda a história gloriosa do Tricolor de Aço.

A reunião de fundação do clube foi na então rua Barão do Rio Branco e nela estavam presente o próprio Alcides Santos — o que se tornara o primeiro presidente —, Clóvis Gaspar, Clóvis Moura, Humberto Ribeiro, Jayme Albuquerque, João Gentil, Oscar Loureiro, Pedro Riquet, Walter Olsen, Walter Barroso e entre outros.

E foi logo no primeiro ano de atividade (1919) que o primeiro título do Fortaleza foi conquistado. Depois da primeira partida disputada em solo cearense, no Passeio Público, a agremiação inspirada pela França levantou o troféu da Liga Metropolitana Cearense — o primeiro de todos.

Escudos

Nacionalismo da década de 40 muda o nome

Com a ascensão do Estado Novo no Brasil na década de 1940, o Nacionalismo tomou forma no prensamento de muitos brasileiros. Naquela época, o Estado Novo disseminava o patriotismo como nunca, injetando altas doses de tal ideologia no senso comum. Logo, o então Presidente da República, Getúlio Vargas, assinou o Decreto-Lei nº. 3.199 de 14 de abril de 1941 no qual padroniza o nome da Confederações, Federações e Clubes, fazendo com que a então Associação dos Desportos do Ceará (ADC) mudasse de nome para Federação Cearense de Desportos (FCD) e o Fortaleza Sporting Club, respeitando o Art. 45 do decreto-Lei, que diz que 'será constituída, pelo Ministro da Educação e Saúde, uma comissão de especialistas que estude e organize um plano de nacionalização e uniformização das expressões usadas nos desportos', modifica o Sporting Club para Esporte Clube.

A era Ceni

Em 2018, sob a tutela do treinador Rogério Ceni, o Fortaleza fez uma campanha esplêndida na Série B do Campeonato Brasileiro justamente no ano do centenário tricolor. Foi nessa edição, a de 2018, que o clube de Fortaleza conseguiu um orgulhoso recorde para a história: o melhor início de competição na era dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro entre as Séries A e B. Com uma equipe em harmonia e seguindo firmemente as indicações de Rogério Ceni, a equipe venceu sete jogos e empatou outros dois. Logo, um aproveitamento inicial de 88,89%. Nenhum time até ali conseguira tal feito. Em toda a Série B, o Tricolor de Aço liderou 36 das 38 rodadas, sendo que assumiu a liderança já na segunda rodada, perdendo na quarta rodada e retomando o posto até o final da competição, desde a quinta rodada. Faltando quatro rondas para o fim da Série B, já tinha garantido o acesso para Série A do ano seguinte (2019). Com o troféu já na galeria, o Fortaleza se tornou o primeiro e único clube do Nordeste a vencer um título de alguma divisão do Campeonato Brasileiro na época dos pontos corridos.

Com o caminho da idolatria sendo traçado aos poucos, Rogério Ceni levou o Fortaleza ao título do Campeonato Cearense, batendo o maior rival, o Ceará, na decisão. Ali já aumentara um pouco mais seu espaço nos corações tricolores. Porém, algo um tão mais importante cravou de vez o ex-goleiro no hall da fama simbólico do Leão: a conquista da Copa do Nordeste 2019, um título que jamais esteve na lista do Fortaleza.

Na Copa do Nordeste 2019, o Fortaleza passou em primeiro no Grupo A, ficando à frente de Santa Cruz, CRB, Vitória, Salgueiro, Sampaio Corrêa, Sergipe e Alto-PI. Em seguida, no mata-mata, bateu o Vitória por 4 a 0 no Ceará. Na semifinal, despachou o Santa Cruz com o placar mínimo de 1 a 0. E na decisão, o placar de 1 a 0 se repetiu nos dois jogos frente ao Botafogo-PB, ambos a favor do Tricolor de Aço, fazendo com que o time de Rogério Ceni levasse para casa o primeiro título da Copa do Nordeste. A equipe tinha a liderança do rodado atacante Wellington Paulista dentro de campo, mas Osvaldo e Edinho também desempenhavam suas funções extraordinárias.

Primeira competição internacional

Em 2020, o Fortaleza participou pela primeira vez em sua história de uma competição que fazia o time a cruzar fronteiras do Brasil, a Copa Sul-Americana de 2020. O Leão teve pela frente o tradicionalíssimo Independiente de Avellaneda, da Argentina, conhecido também como Rey de Copas. Na ida, a equipe nordestina viajou à Argentina e foi derrotada pelo placar de 1 a 0, mas a boa exibição deixou a torcida tricolor esperançosa por um virada no jogo de volta. Na Arena Castelão, o Fortaleza vencia por 2 a 0 até os 93 minutos de jogo, carimbando, até ali, a passagem para a próxima fase. No entanto, nos acréscimos, os argentinos diminuíram para 2 a 1 e se classificaram graças ao critério do gol qualificado fora de casa.

A ida contra o Independiente:

A volta contra o Independiente:

Arena Castelão, a jaula do Leão

Um grande aliado do Fortaleza no retorno à elite nacional é, sem sombra de dúvidas, a Arena Castelão. Palco da Copa do Mundo de 2014, o estádio é a casa do Leão, sendo um importante fator para que o clube faça bons jogos e consiga resultados expressivos. O estádio, que tem capacidade para mais de 67 mil pessoas, recebe grandes públicos em várias ocasiões para empurrar o Tricolor, com direito a festas e mosaicos conhecidos da torcida leonina.

Hino do Fortaleza Esporte Clube

Clube de glória e tradição.
Fortaleza,
Quantas vezes campeão.
Fortaleza,
Querido idolatrado,
estás sempre guardado,
dentro do meu coração.

Altivo,
tua vida sempre foi um marco,
tua glória é lutar e vencer também,
salve o Tricolor de Aço.

No campo,
provaste mesmo que não tens rival,
tua turma é valente, é sensacional,
salve o Tricolor de Aço.

Soberbo,
tua fibra representa um norte,
combativo, aguerrido, vibrante e forte.
Sem demonstrar cansaço,

Receba um sincero,
abraço da torcida tão leal,
meu Tricolor de Aço!

Estamos preparando mais histórias sobre o Fortaleza Esporte Clube, aguarde.

//