Torino quebra tabu de 20 anos e supera Juventus no clássico de Turim

Em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Italiano, Torino e Juventus fizeram mais um Derby della Mole. A equipe grená encerrou um longo tabú de 20 anos e venceu o rival com gols de Darmian e do ex-bianconero Quagliarella. Pirlo fez o gol da Juventus. Com a vitória por 2 a 1, o Torino ficou na 7ª posição, com 47 pontos. Já a Juventus continua sossegada na liderança, apesar da derrota, já que contou com tropeços dos times da capital. A Lazio empatou com o Chievo e a Roma foi derrotada pela Inter.

A Juventus, que tinha a expectativa de se sagrar campeã já nessa rodada, foi a campo com um time misto, já que vinha numa maratona extensiva de jogos desgastantes, entre Serie A, classificação a final da Coppa Italia e classificação a semifinal da Uefa Champions League. Já o Torino foi a campo com força plena.

Na próxima rodada, nesta quarta-feira (29), a Juventus recebe a Fiorentina, no Juventus Stadium. Já o Torino vai até a Sícilia e enfrenta, no mesmo dia, o Palermo.

Com gol de Pirlo para a Juventus e Darmian pelo Torino, primeiro tempo termina sem fortes emoções

O jogo começou com as duas equipes se especulando muito, sem grandes avanços de ambos os ataques. O Torino chegou primeiro, aos 7 minutos de jogo, com um chute de Quagliarella, de longa distância, que passou a direita do gol de Buffon.

A Juventus respondeu aos 11, com Matri, que recebeu um excelente lançamento de Pirlo, ficou cara a cara com o goleiro Padelli, tentou um voleio, mas acabou isolando a bola.

Aos 16, a Juventus teve mais uma boa chance, depois de falha defensiva do Torino, Pereyra conseguiu um contra-ataque e, livre, cruzou pra Morata, porém Glik conseguiu interceptar a tempo o que seria um lance de muito perigo. Após esse lance da Juventus, o jogo viveu um hiato de monotonia, onde as duas equipes pouco produziram no jogo.

Porém, aos 34 minutos, a Juventus chegou ao seu gol numa falta com Pirlo, batida de frente, próximo a meia-lua, onde o meia colocou com sua precisão peculiar no ângulo do gol de Padelli que nada pode fazer. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar.

Antes que do primeiro tempo acabar, aos 44, o Torino tratou de se impor diante dos seus torcedores e empatou o jogo, após grande jogada de Quagliarella, pela direita, que cruzou e  encontrou Darmian entrando livre na área. O italiano dominou e chutou a esquerda de Buffon, fazendo 1x1.

Torino amplia e adia o título da Juventus 

Na volta do segundo tempo, aos 7 minutos, Pirlo já colocou sua especialidade em prática, cobrando uma falta que bateu na trave esquerda do goleiro Padelli. Mas o Torino respondeu logo, e aos 12 minutos virou o jogo. El Kaddouri fez a jogada na intermediária, tocou para Darmian que entrou na esquerda da grande área, cruzou e encontrou Quagliarella livre, que só completou pro gol de Buffon.

A Juve só voltou a atacar com perigo aos 25 minutos, quando Padoin cruzou para Vidal que, de cabeça, levou muito perigo para Padelli. Novamente, a Juventus chegou de forma parecida, aos 31 minutos. Lichtsteiner cruzou e Matri cabeceou, no canto direito, quase empatando o jogo pra Juventus. Logo após, a Juve continuou buscando seu empate: Vidal recebeu livre, na intermediária, mas chutou muito alto.

Aos 35, um lance impressionante, a Juventus quase conseguiu seu gol de empate após cruzamento de Padoin, 3 jogadores da Juve chegaram na bola, Pepe, que acabara de entrar, chutou na trave e a bola sobrou pra defesa de Padelli.

Padelli seria o grande protagonista do lance seguinte, aos 37 minutos, quando Pirlo cruzou pra Sturaro, que cabeceou a queima roupa e fez uma defesa impressionante,evitando o empate da Juventus.

Depois disso, o Torino conseguiu evitar as maiores investidas da Juventus e, assim, pode comemorar a vitória sobre seu maior rival. O Olímpico de Turim estava em êxtase, não só com a vitória, mas também com a quebra do tabu.

VAVEL Logo