Mesmo jogando mal, Atlético de Madrid vence Gijón com gols nos acréscimos

O Atlético de Madrid, apesar de sua péssima atuação, venceu o Sporting Gijón por 1 a 0, no Vicente Calderón, neste domingo (8). O gol da vitória foi marcado por Griezmann, aos 48 minutos do segundo tempo. O jogo, válido pela 11ª rodada do Campeonato Espanhol 2015/16, foi bem abaixo do esperado, onde poucas oportunidades de gol foram criadas. 

Na primeira etapa, o Atlético teve 70% de posse bola, porém nenhuma finalização no gol. Ao contrário do Sporting, que teve duas oportunidades, exigindo uma excelente defesa de Oblak. No segundo tempo, apesar de não levar muito perigo a meta adversária, o Atlético conseguiu chegar mais, criando algumas oportunidades. Cuellar fez duas boas defesas.

Já nos acréscimos da segunda etapa, Griezmann conseguiu desempatar a partida. O francês antecipou-se ao goleiro e, de cabeça, garantiu os três pontos aos colchoneros, para a loucura do técnico Diego Simeone. Com a vitória, o Atlético de Madrid subiu para a terceira colocação, com 23 pontos. Na próxima rodada, somente após a data Fifa, visita o Bétis, no domingo (22).

Já o Sporting Gijón, permanece com seus 12 pontos, na 14ª posição. Só volta a campo também no domingo (22), recebendo o Levante.

Atlético com a bola, Sporting com chances de gol

O primeiro tempo do confronto deixou muito a desejar. Raríssimas chegadas com perigo ocorreram. A bola passou a maior parte do tempo com o Atlético de Madrid, cerca de 70% do tempo, porém quem realmente quase abriu o placar foi o Sporting Gijón.

A primeira delas foi logo no comecinho do jogo com Jony. Ele dominou no meio campo e avançou até a área. Cortou Savic e bateu cruzado, mas a bola foi para fora. O marasmo do restante da primeira etapa só foi interrompido por Halilovic.

Aos 36 minutos, Halilovic recebeu dentro da área um cruzamento vindo da linha de fundo e bateu, de primeira, no contrapé de Oblak. O goleiro do Atlético de Madrid se esticou todo para fazer uma grande defesa.

Vitória apenas nos acréscimos

Até os 10 minutos da segunda etapa o jogo se manteve o mesmo do primeiro tempo. Quase nada foi criado. Após esse período, ambas as equipes quase marcaram. O Atlético manteve o domínio da bola, porém passou a criar algumas chances também. A primeira delas foi com Koke, de longe, já que entrar na área estava muito difícil. 

Aos 20 minutos, quem apareceu foi o goleiro Cuellar. Carrasco fez boa jogada pela direita e cruzou na área. Griezmann antecipou e Cuellar fez excelente defesa. No rebote, Griezmann novamente finalizou, mas desta vez no canto oposto. Cuellar foi buscar de novo. 

Logo no lance seguinte, o Sporting foi quem assustou. Jony finalizou de fora da área e Oblak fez mais uma boa defesa. Simeone fez algumas alterações na sequência, mas sem muito efeito. O Atlético continuava a ter a bola, mas criando pouco.

Já aos 48 minutos, quando todos esperavam o empate em casa, o gol da vitória saiu. Tiago, do meio campo, lançou a bola para a área, odín desviou na direção do gol e Griezmann, aproveitando o erro defensivo do Sporting, antecipou o goleiro e completou para o gol.

VAVEL Logo