Jürgen Klopp cita sorte ao exaltar Liverpool na final: "Real Madrid teve e nós tivemos hoje"

Depois de levar o Liverpool a final após 11 anos, o treinador exaltou o jogo épico e comemorou muito a ida a Kiev

Jürgen Klopp cita sorte ao exaltar Liverpool na final: "Real Madrid teve e nós tivemos hoje"
Klopp comemora classificação a final após jogo. (foto/ divulgação: Liverpool FC)

Em grande jogo no Estádio Olímpico de Roma, o segundo finalista da Uefa Champions League foi decidido. Mesmo após perder de 4 a 2, o Liverpool garantiu seu passaporte para grande final, contra o Real Madrid, dia 26 de maio, em Kiev, na Ucrânia. 

Jürgen Klopp comentou a passagem do Liverpool à final da Uefa Champions League, feito que não acontecia há 11 anos. "Foi um jogo enorme, mas sinceramente não jogamos muito bem. Podíamos ter marcado mais golos nas ocasiões que tivemos, mas não conseguimos sentenciar o jogo. Sofremos no final, mas somos sempre assim", considerou o treinador alemão no final do jogo no Olímpico de Roma.

"Sei que podemos jogar muito melhor do que jogamos hoje, mas ontem o Real Madrid teve sorte e hoje foi a nossa vez", rematou, fazendo referência ao empate em 2 a 2 entre merengues e o Bayern.

Ele também comentou sobre a final contra o atual campeão, o Real, e falou sobre os dois importantes jogos da Premier League antes da final da competição, no final deste mês.

"Ficou claro que eles assumiriam o risco que assumiram e nós o punimos com o primeiro gol de maneira perfeita. Marcamos o primeiro gol para eles por nós mesmos; azar, claro, um pouco de palhaçada. Nós marcamos o segundo. Enquanto não terminássemos o jogo com um terceiro gol, fica claro que eles fariam exatamente da mesma maneira. Eles tinham todas essas situações na caixa e nós defendíamos essas coisas muito profundas. Em um jogo como este, eles deveriam ter sido impedidos 20 vezes. Essa é a história do jogo", complementou o técnico. 

Após grande classificação, a equipe do técnico alemão, volta suas atenções para a Premier League. O clube tem clássico a ser disputado contra o Chelsea, às 12h30 do domingo (8), em Stamford Bridge.