Gareca elogia e absolve Cueva por pênalti perdido após derrota para Dinamarca: "Tem personalidade"

O Peru não estreou do jeito que queria na Copa do Mundo. Longe da competição por 36 anos, a seleção sul-americana jogou melhor durante toda a partida, mas não conseguiu passar pela meta defendida por Kasper Schmeichel e perdeu para a Dinamarca por 1 a 0, na primeira rodada do Grupo C.

Guerrero, a estrela da seleção e que quase não foi ao Mundial, começou o jogo no banco e entrou aos 17 minutos da etapa final, quando já estava 1 a 0 para os dinamarqueses. Cueva teve a oportunidade de abrir o placar no fim do primeiro tempo, em pênalti assinalado com a ajuda do VAR. Mas o meia do São Paulo isolou a maior chance do Peru. Visivelmente abatido após a cobrança, o treinador Ricardo Gareca minimizou o lance e exaltou suas habilidades.

As pessoas cometem erros. Ele [Cueva] tem personalidade e caráter para dar a volta por cima. Depois do pênalti perdido, participou, brigou. Conhecendo-o bem, é um jogador muito bom com uma mentalidade muito forte”, comentou.

Cueva é consolado por Araújo enquanto dinamarqueses comemoram vitória em Saransk (Foto:
Cueva é consolado por Araújo enquanto dinamarqueses comemoram vitória em Saransk (Foto: Maja Hitij - FIFA/FIFA via Getty Images)

O atacante Farfán lamentou o resultado depois da partida que fizeram, mas disse que a seleção lutará até o fim para buscar a classificação. “Tivemos oportunidades de gol e não se concretizou, mas o grupo segue forte e unido. Vamos até o final. Atacamos por todos os lados, mas por falta de sorte não saiu o gol. Mas o importante é que vamos até o final”, ressaltou.

O Peru volta a campo na quinta-feira (21), às 12h, contra a França, em Ecaterimburgo.

VAVEL Logo