Sergio Ramos é punido pela Uefa por forçar cartão amarelo
Divulgação/ Real Madrid

Sergio Ramos é punido pela Uefa por forçar cartão amarelo

Zagueiro é punido pelo Comitê por forçar terceiro cartão amarelo e recebe suspensão em dois jogos, caso o time merengue avance para as quartas de final

agnesrigas
Agnes Rigas

O zagueiro Sergio Ramos, do Real Madrid ficará de fora do jogo de volta contra o Ajax, e caso passe, também não jogará o primeiro confronto das quartas de final da UEFA Champions League. No primeiro confronto da equipe merengue com o time holandês, o defensor levou um cartão amarelo aos 43 minutos do segundo tempo e teria chegado ao limite de três cartões.

O Comitê de Controle, Ética e Disciplina da UEFA decidiu investigar a ação do jogador após uma declaração do mesmo, após a partida dizendo que escolheu cometer a falta para levar o cartão, com o intuito de chegar as quartas de final sem nenhum cartão amarelo acumulado.

"A verdade é que vendo o resultado, mentiria se dissesse que não forcei (o cartão). Não é por subestimar o rival nem pensar que a eliminatória já terminou, mas no futebol você precisa tomar decisões complicadas. Decidi assim, um cartão aos 43, ficaria na arquibancada, serie um torcedor a mais (no jogo de volta)", disse Ramos.

Vendo que essa declaração poderia não ser bem vista pelo Comitê,que no dia seguinte, já abriu uma investigação, o mesmo já tentou amenizar a situação novamente usando suas redes sociais para se explicar de sua declaração anterior.

"Em um jogo há muita tensão, muitas sensações e muita pulsação. Temos que tomar decisões em segundos. O melhor de hoje foi o resultado. O pior, não poder estar no jogo de volta com meus companheiros por um lance de jogo. Quero deixar claro que me dói mais do que qualquer um, que não forcei o cartão, como também não fiz contra a Roma no jogo anterior da Champions", afirmou o camisa 4.

A UEFA já havia demostrado que não toleraria esse tipo de comportamento. Outro caso na competição, foi com o mexicano Corona do Porto. Na quinta rodada da fase de grupos, o mesmo forçou o terceiro cartão para chegar as oitavas de final zerado. 

O Comitê não deixou isso passar e puniu o jogador com dois jogos de suspensão, deixando o atacante de fora da derrota do time português para a Roma por 2 a 1.

VAVEL Logo