Patrick Vieira é demitido do Nice; Adrian Ursea é promovido
ao comando técnico
Foto: Divulgação/OGC Nice

Após ser derrotado pelo Bayer Leverkusen na penúltima rodada da fase de grupos da Uefa Europa League, o treinador Patrick Vieira foi demitido do comando técnico do Nice nesta sexta-feira (4). A diretoria optou pela saída após o momento instável que a equipe francesa vive no início da temporada. A equipe segue com desempenho irregular na Ligue 1, está eliminada na Europa League e não vence há um mês. Em seu lugar, o suíço-romeno Adrian Ursea, até então auxiliar, foi promovido para ser o substituto de Vieira. Em nota oficial divulgada pelo clube, a direção agradeceu aos serviços prestados desde a metade de 2018.

“Tendo chegado ao OGC Nice no verão de 2018, Patrick Vieira não é mais o treinador do OGC Nice a partir de hoje. Em entrevista após a reunião de ontem à noite, o conselho do Nice informou Patrick Vieira sobre sua decisão de encerrar a colaboração. A direção do clube rubro-negro decidiu confiar a Adrian Ursea a tarefa de liderar a equipe profissional hoje. O técnico suíço-romeno, até agora treinador-adjunto de Patrick Vieira depois de ter sido o treinador-adjunto de Lucien Favre, fará a sua estreia no banco do Nice como treinador principal durante a viagem a Reims neste domingo. Patrick Vieira colocou todo o seu coração e profissionalismo ao serviço do OGC Nice durante os 30 meses que durou essa aventura comum. Os dirigentes do Nice gostariam de agradecer sinceramente ao ex-jogador da seleção francesa pelo seu envolvimento no desenvolvimento do clube e desejar-lhe o melhor ao resto de sua carreira como treinador”, publicou.

Durante os dois anos e meio que esteve à frente do Nice, Patrick Vieira comandou as Águias em 89 jogos. Foram 35 vitórias, 21 empates e 33 derrotas. Sob seu comando, foram 107 gols marcados e 118 tentos sofridos, disputados na Ligue 1, Coupe de France, Coupe de la Ligue e Uefa Europa League. Há mais tempo ainda na equipe da Côte D’Azur, Adrien Ursea é auxiliar técnico desde 2016 e acompanhou dois longos trabalhos que tiveram saldos positivos: Lucien Favre, atual treinador do Borussia Dortmund, e Patrick Vieira, o qual terá de substituir. Presidente do Nice, Jean-Pierre Rivère afirmou que a escolha foi natural e que a direção não precisaria procurar nomes, dado o conhecimento de Ursea sobre o clube e o elenco.

“Não tem que procurar nomes. Adrian Ursea é o treinador da temporada do OGC Nice com toda a certeza. Nós o conhecemos há alguns anos. Em um nível humano, isso é notável. Quando ele saiu por um período, nós nunca nos separamos. Ligávamos um para o outro regularmente com a ideia de que um dia ele poderia se juntar a nós. Ele é um verdadeiro conhecedor de futebol, um amante de futebol, era óbvio”, afirmou o mandatário.

Adrien Ursea, novo técnico do Nice | Foto: Divulgação/OGC Nice
Adrien Ursea, novo técnico do Nice | Foto: Divulgação/OGC Nice

O diretor de futebol, Julien Fournier complementou Rivère ao também afirmar que a decisão não é arriscada, uma vez que Ursea é profundo conhecedor da equipe e, na visão do dirigente, tem total habilidade para seguir com o que houve de positivo no trabalho de Vieira.

“Quando se tem alguém internamente cuja capacidade de trabalhar é certa, a lealdade ao clube, o conhecimento perfeito da força de trabalho, a adesão dos jogadores e o conhecimento do nosso campeonato, há a convicção. Claro que existe um elemento de risco porque será uma das primeiras experiências dele. Mas, qualquer decisão é um risco e nós assumimos”, declarou Fournier.

Agora efetivado como técnico principal, Ursea já projetou o duelo do Nice neste fim de semana e disse que a meta principal em seus primeiros dias de trabalho é recuperar a confiança do plantel.

“Tenho ideias sobre o que eu quero implementar, mas essas ideias são condicionadas pela condição física dos meus jogadores e faremos um balanço. A minha prioridade é devolver a confiança aos jogadores. Estamos em um período febril e vamos tentar encontrar algo que nos tranquilize”, declarou.

O primeiro confronto do Nice sob novo comando técnico será às 13 horas deste domingo (6), contra o Reims no Stade Auguste Delaune, em Reims/FRA, pela rodada #10 do Campeonato Francês. Na tabela de classificação da Ligue 1 2020-21, o clube rubro-negro soma 17 pontos e ocupa a 11ª colocação.

VAVEL Logo