Com hat-trick de CR7, United vence Tottenham e entra no G-4 inglês
Divulgação / Manchester United 

Sempre ele! Quando Cristiano Ronaldo está inspirado, esquece, é show na certa. Com direito a três gols do Gajo que bateu o recorde de maior artilheiro em jogos oficiais, o Manchester United venceu o Tottenham por 3 a 2 e retornou ao G-4 da Premier League em jogo disputado no Estádio Old Trafford, neste sábado (12).

Com o placar final, os Red Devils chegam a 50 pontos e assumem a quarta colocação, já os Spurs caem para a sétima posição e dão um freio na boa fase. Além dos gols do CR7 para o Manchester, os do time visitante foram marcados por Harry Kane e Maguire (contra).

Cristiano faz um golaço e comanda a vitória parcial na primeira etapa 

A partida começou com o Manchester pressionando o adversário logo nos minutos iniciais, já o Tottenham buscava o contra-ataque, mas sem perigo. A primeira chance foi em um lance polêmico, a bola bateu na mão de Dier, mas o árbitro não marcou nada.

Só que um minuto depois não teve jeito, a fera apareceu. A jogada começou com o zagueiro Varane, que tocou para Fred e com um lindo toque de calcanhar ele deu para o CR7, que de longe soltou uma bomba, sem chance para Lloris. Esse foi o gol de número 805, com isso ele se tornou o maior artilheiro em partidas oficiais, superando o ex-jogador austríaco Josef Bican.

Com o placar em desvantagem o Tottenham acordou e aos 33 minutos veio o empate: Alex Telles tocou na bola em cruzamento de Kulusevski e árbitro marcou o pênalti, na cobrança Kane bateu firme no canto direito do goleiro De Gea. Mas logo depois ele apareceu de novo, Sancho recebeu um ótimo lançamento em posição duvidosa e só tocou para Cristiano que, sem goleiro, não perdoou, terminando o primeiro  tempo com o placar em 2 a 1.

Tottenham empata, mas CR7 decide de novo para o United 

A segunda etapa começou com o Manchester mais cauteloso e tentando o contra-ataque. Em desvantagem, os Spurs tentava criar mas paravam na marcação,  com isso somente tivemos emoções aos 15 minutos. A primeira chance foi do time visitante, em uma mal saída de bola do United, Kuloseviski deu na medida para o Son e de frente para a trave mandou para fora.

O Tottenham continuou tentando e foi recompensado com uma infelicidade do zagueiro adversário. A jogada começou com Kane que fez a parede, Son pegou a sobra e tocou para Reguilón, que tentou cruzar, mas antes que a bola chegasse ao Romero, Maguire colocou para o próprio patrimônio,  empatando a partida.

O empate pareceu que acordou o United, que partiu para cima buscando o desempate. Aos 31',  Cristiano bateu com categoria e Lloris fez uma grande defesa, espalmando para escanteio. Mas três minutos depois ele apareceu como sempre, em ótima  cobrança de escanteio de Alex Telles, CR7 saiu da marcação e subiu sozinho, fazendo o gol da vitória e terminando o seu show na partida. A partir daí o Manchester segurou a pressão do Tottenham e após o apito final os torcedores agradeceram aos céus por ter esse matador Cristiano Ronaldo no seu elenco.

VAVEL Logo