Especiais La Liga 2015/16 Sporting Gijón: temporada irregular, mas permanência na elite

Por um ponto, os rojiblancos se safaram da segunda divisão

Especiais La Liga 2015/16 Sporting Gijón: temporada irregular, mas permanência na elite
Especiais La Liga 2015/16 Sporting Gijón: temporada irregular, mas permanência na elite

O Sporting Gijón sofreu, mas se safou de mais um rebaixamento na sua história. Com uma temporada repleta de altos e baixos, os rojiblancos terminaram o Campeonato Espanhol na 17° posição, com 39 pontos - um acima da zona de rebaixamento. 

Sem muitas pretensões na temporada, mas com um objetivo que teria de ser alcançado de qualquer maneira, os rojiblancos tinham pela frente, no primeiro jogo do Campeonato Espanhol, o Real Madrid, em casa. Diante dos merengues, os colorados seguraram o Trio BBC e somaram um ponto que deu confiança à equipe, logo na estreia. 

+Real Madrid domina, mas não sai do zero com Sporting Gijón fora de casa

O time do técnico Abelardo Fernández colheu bons frutos com a forma defensiva de jogar, embora tenha emplacado uma série de derrotas após a décima rodada, na qual deixou o time em más condições na tabela, chegando perto da zona de rebaixamento. 

Cristiano Ronaldo e o Real Madrid esbarraram na forte marcação do Sporting em casa (Foto: Getty Images)
Cristiano Ronaldo e o Real Madrid esbarraram na forte marcação do Sporting em casa (Foto: Getty Images)

Logo, os resultados deixaram de aparecer e a equipe não tinha o mesmo empenho do início de temporada, onde chegou a ficar entre os dez primeiros de La Liga. Os grandes times começaram a aparecer no caminho dos rojiblancos, no qual o Sporting não fazia mais frente. Porém, a equipe tinha uma forte característica: não vender com facilidade as derrotas. Sendo assim, os colchoneros tiveram dificuldades para vencer, mesmo em casa. 

+Mesmo jogando mal, Atlético de Madrid vence Gijón com gols nos acréscimos

Diante do Sevilla, nova derrota, fora de casa, mas não com placar extenso. Abelardo Fernández trazia muita motivação à equipe, que corria muito a cada jogo, em busca de uma marcação mais ferrenha. Em casa, os rojiblancos faziam o dever, vencendo e não perdendo. Porém, a crise de 'empatite' fez com que os colorados perdessem uma grande porcentagem dos pontos disputados, e contra os times mais fortes, restava apenas dificultar a partida. 

Na 16° rodada, os rojiblancos não tinham a ameaça real de rebaixamento, por conta de faltar mais do dobro de rodadas. Entretanto, o futebol jogado pela equipe já começava a deixar más impressões. Com isso, o Sporting iniciou o segundo turno sendo vitima de uma sonora goleada do Real Madrid, diferentemente da estreia na competição. 5 a 1 e o fundo da tabela já era realidade. 

+Com show do Trio BBC, Real Madrid goleia Gijón e chega a segunda vitória com Zidane

Mas logo em seguida, uma resposta rápida da equipe, diante do Real Sociedad, onde Abelardo Fernández e seus comandados recuperaram o saldo de gols goleando por 5 a 1 em casa e fugindo da zona - ciclo vicioso que duraria até a última rodada. 

Até o final do campeonato, os colorados ficaram oscilando entre 15° e 18° posição, flertando com o rebaixamento, juntamente de Rayo Vallecano, Getafe, Levante e Granada, no qual só dois escaparam. 

Na 38° rodada, o time precisava vencer de qualquer maneira, visto que estava com 35 pontos e na 18° posição, atrás do Getafe. A missão não era impossível, mas não deixava de ser complicada. Com garra, em casa, os rojiblancos venceram o Villarreal por 2 a 0 e fizeram sua parte. Restava secar o Getafe, que diante do Real Betis, perdeu por 2 a 1, sacramentando a permanência dos colorados na elite do futebol espanhol. 

+Sporting Gijón aproveita tropeço do Getafe, supera Villarreal e evita rebaixamento

Apesar dos altos e baixos, portanto, o Sporting saiu no lucro e ficou com a vaga em La Liga. Para a próxima temporada, resta trazer reforços pontuais para que a torcida não precise vivenciar um novo rebaixamento, ou então, sofrer até a última rodada sem saber o futuro da equipe. 

Torcedores invadiram o campo para comemorar permanência em La Liga (Foto: Getty Images)
Torcedores invadiram o campo para comemorar permanência em La Liga (Foto: Getty Images)