Internazionale decepciona e empata com Bologna em casa na estreia de Gabriel Barbosa

Atacante brasileiro vê sua nova equipe ficar no 1 a 1 com o time rossoblù, no Giuseppe Meazza

Internazionale decepciona e empata com Bologna em casa na estreia de Gabriel Barbosa
Gabriel Barbosa não teve muitas oportunidades no jogo (Foto: Marco Luzzani/Internazionale)
Internazionale
1 1
Bologna
Internazionale: Handanovic; Santon, Miranda, Ranocchia, Miangue; Medel, Kondogbia (Gnoukouri, min. 28); Candreva (Gabriel Barbosa, min. 74), Banega (Éder, min. 65), Perisic; Icardi. Técnico: Frank de Boer.
Bologna: Da Costa; Krafth, Gastaldello (Oikonomou, min. 63), Maietta, Torosidis; Taïder, Nagy (Pulgar, min. 53), Dzemaili; Verdi, Destro, Krejci (Masina, min. 80). Técnico: Roberto Donadoni.
Placar: 0-1, min. 14, Destro. 1-1, min. 37, Perisic.
ÁRBITRO: Domenico Celi (ITA). Cartões amarelos: Gastaldello (min. 21), Da Costa (min. 33), Dzemaili (min. 38), Pulgar (min. 63).
INCIDENCIAS: Partida válida pela sexta rodada da Serie A, realizada no estádio Giuseppe Meazza, em Milão, na Itália.

Gabriel Barbosa, o ‘Gabigol’, fez sua estreia pela Internazionale neste domingo (25). Mas o atacante, que entrou aos 74 minutos, não conseguiu evitar o empate por 1 a 1 com o Bologna, no Giuseppe Meazza, em Milão, pela sexta rodada da Serie A. Mattia Destro abriu o placar para os visitantes após erro de Geoffrey Kondogbia no meio-campo. Ivan Perisic, contudo, empatou o duelo ainda no primeiro tempo para os nerazzurri.

Mesmo com a igualdade no marcador, a Inter se mantém como terceira colocada na tabela, com 11 pontos. Mas pode perder o posto caso o Milan vença a Fiorentina ainda neste domingo. Já o Bologna figura em sétimo, com nove pontos.

Agora, a Inter dá uma pausa na liga italiana e volta suas atenções a outra competição. É que na quinta-feira (29) a Beneamata enfrenta o Sparta Praga, às 14h, em Praga, pela segunda rodada da fase de grupos da Uefa Europa League. No domingo (2/10), a Inter pega a Roma, na capital italiana, às 15h45, pela sétima rodada da Serie A.

O Bologna, por sua vez, recebe o Genoa, no domingo (2/10), às 10h, também pela sétima rodada do campeonato.

Inter leva susto, mas Kondogbia deixa o time e desempenho melhora

A Inter tomou um baque no início do jogo. Desatento, Kondogbia perdeu a bola para Taïder, o volante acionou Verdi às costas do jovem Miangue e o atacante deixou o centroavante Destro cara a cara com Handanovic. Bola na rede e Bologna em vantagem com menos de 15 minutos.

O time de Milão não se encontrava no jogo. Assim como nas últimas partidas, dependia de um toque de criatividade do atacante e capitão Mauro Icardi, enquanto Candreva buscava sempre o cruzamento a partir da meia direita.

Aos 22 minutos, os nerazzurri tiveram a primeira oportunidade de gol: Santon cruzou à área e Perisic pegou de primeira, levando perigo à meta do brasileiro Angelo da Costa.

A atuação da Inter, sobretudo a engrenagem no meio-campo, não estava agradando ao técnico Frank de Boer. Por isso, o holandês não hesitou em sacar o francês Kondogbia – errou no lance que originou o gol do Bologna – aos 28 minutos para colocar o jovem Gnoukouri, de 19 anos.

A saída de Kondogbia desafogou o meio de campo da Inter e os nerazzurri melhoraram em campo. Não à toa, conseguiram empatar o duelo aos 37 minutos. Candreva lançou em diagonal para Perisic e o croata acertou um belo chute, de primeira, no canto de Da Costa. Candreva também teve a chance de virar a embate, mas sua finalização, depois de passe de Icardi, parou nas luvas do arqueiro brasileiro.

Gabriel Barbosa entra e Inter não consegue a vitória

Na volta do intervalo, a Inter seguiu pressionando o Bologna, mas assim como no primeiro tempo, o brasileiro Da Costa salvava os rossoblù. Em cruzamento de Candreva, a bola desviou no caminho e o goleiro teve se esticar todo para salvar. Depois, no rebote, mas uma defesa, mas dessa vez em chute do artilheiro Icardi.

Como a partida estagnou no decorrer da segunda etapa, os técnicos começaram a modificar suas respectivas equipes a fim de tentar mudar o panorama do duelo. A última alteração da área foi a tão esperada estreia do atacante Gabriel Barbosa, que entrou no lugar de Candreva.

Momento que Gabigol entra em campo (Foto: Marco Luzzani/Internazionale)
Momento que Gabigol entra em campo (Foto: Marco Luzzani/Internazionale)

‘Gabigol’ não teve muitas chances. Tentou alguns dribles, deu alguns lançamentos e errou uma cavadinha buscando Icardi. Mas o brasileiro quase viu sua equipe tomar o segundo gol no final do jogo. O Bologna desceu em velocidade ao ataque e Verdi deixou de letra para Dzemaili, que fuzilou de perna direita e obrigou Handanovic a fazer grande defesa.

A Inter ainda tentou desempatar em cabeçada de Icardi, mas bola foi para fora. Nos acréscimos, Gabigol abriu espaço na área e finalizou, mas a bola explodiu na defesa. Ranocchia teve a última oportunidade do jogo, mas sua cabeçada saiu rente à trave esquerda do gol de Da Costa.