Com leve fratura na mão, Higuaín passa por cirurgia e pode desfalcar Juventus por até três semanas

Procedimento cirúrgico foi realizado nesta segunda-feira (27); atleta não estará à disposição para o duelo decisivo contra o líder Napoli

Com leve fratura na mão, Higuaín passa por cirurgia e pode desfalcar Juventus por até três semanas
(Foto: Giuseppe Maffia/NurPhoto via Getty Images)

O fantasma das lesões segue aterrorizando a Juventus. Se no último domingo (26), ante ao Crotone, Allegri precisou adaptar seu esquema tático por conta das baixas no elenco, não será contra o Napoli, na próxima sexta, que o comandante terá todos os seus atletas à disposição.

Nesta segunda (27), o atacante Gonzalo Higuaín precisou passar por um rápido procedimento cirúrgico, por conta de uma leve fratura no terceiro metacarpo da mão esquerda. Em seu site oficial, a Vecchia Signora informou que a cirurgia foi bem sucedida, tendo durado cerca de 45 minutos. Ainda não há prognóstico oficial para seu retorno.

Apesar do clube não ter se pronunciado acerca do tempo de recuperação, o site Premium Sport conversou com um cirurgião ortopédico sobre o procedimento cirúrgico. De acordo com o médico Matteo Vitali, Higuaín pode desfalcar a equipe de Turim por até três semanas.

"O tempo de recuperação deve girar em torno de duas a três semanas. A dor afeta o desempenho do atleta, e uma queda sob a fratura poderia transformar esta lesão em algo mais grave. Então, a decisão pela operação imediata foi prudente", afirmou.

Caso este prognóstico não-oficial se confirme, o centroavante perderia não apenas o confronto direto contra o Napoli, mas também os jogos decisivos contra Olympiacos, pela Uefa Champions League, e Internazionale, pela 16ª rodada da Serie A. De acordo com a Sky Sports, o clube de Turim se mantém otimista em uma rápida recuperação do atleta.