Roger elogia atuação do Rosario e diagnostica: "Confundimos velocidade com pressa"
Após vitória dada ao Rosario Central, Roger minimiza erros gremistas (Foto:Divulgação/Grêmio)

Roger Machado minimizou derrota dada ao Rosario na Arena do Grêmio. O mesmo tratou de tirar todo peso das costas de seus comandados, pois segundo ele, não foi por conta da atuação gremista que se deu o resultado, mas sim pelo "jogo de excelência" da aquipe adversária. Para ele, o ritmo de jogo implantado pelo Rosario Central, foi crucial para o tricolor, o qual esteve perdido na partida. 

"Fizemos partidas que não foram boas por erros nossos, mais do que pelo próprio adversário. Hoje fizemos partida de baixo nível por conta da característica do nosso adversário, que pressionava dentro do nosso campo. Marcou muito, alto, não nos permitiram toque de bola, aproximação", avaliou.

Contudo, quando foi questionado a cerca do gol sofrido aos 13min da primeira etapa, Roger destacou ter sido um grande erro de sua equipe. Para ele, o gol sofrido conseguiu tirar toda a calmaria que, até então, predominava no jogo: "O gol adversário saiu em deslize nosso, que deixou a torcida impaciente, nós também: confundimos velocidade com pressa, querendo resolver de qualquer jeito", observou.

Depois de admitir o erro de postura de seus comandados, Roger foi curto e reto ao relatar que, este erro não se deve nem um pouco pela eliminação no Campeonato Gaúcho 2016, dada diante do Juventude, ainda nesta semana. Segundo o treinador, esse fator não afetou nem no estado físico, nem no emocional gremista. 

"Não vou atribuir esse tipo de variável para minimizar qualquer tipo de crítica a respeito da atuação. A responsabilidade da derrota foi do jogo, não teve aspecto emocional nem físico", disse.

Para finalizar, Roger lançou uma frase de motivação ao seu torcedor: "A decisão está aberta, não podemos de forma alguma, mesmo depois do insucesso, achar que estamos fora."

VAVEL Logo