Renato valoriza padrão de jogo do Grêmio ante Fluminense, mas afirma "Precisa melhorar"
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Na noite desta quarta-feira o Grêmio carimbou sua classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. Após ter vencido o Fluminense em Porto Alegre pelo placar de 3 a 1 e no Rio de Janeiro, por 2 a 0,  o atual campeão da competição defende o título e busca o hexacampeonato em 2017. Depois do apito final, Renato Portaluppi fez declarações sobre suas análises da partida.

Perguntado sobre o desempenho da equipe e se o tricolor gaúcho está atingindo o seu máximo dentro de campo, Renato tratou de enfatizar: “Nenhum time está no limite, o Grêmio ainda precisa melhorar bastante. Aprendemos com os erros que cometemos, mesmo com as derrotas. Estou bastante satisfeito, enfrentamos um gigante do futebol brasileiro. Viramos um jogo difícil em Porto Alegre, com muitos jogadores importante fora. E hoje viemos ao Maracanã para conseguir a classificação, e conquistamos com uma grande atuação. Dominamos desde o início. Estávamos muito bem, seguimos jogando depois do 2 a 0, poderia ter sido até um placar maior", disse.

Após isso, Renato foi questionado sobre um dos momentos mais curiosos da partida em que substituiu sua dupla de zaga titular para a segunda etapa: "O Geromel sofreu um choque e teve que sair, disse que a dor era suportável, mas foi aumentando, aos 35 minutos do primeiro tempo, ele pediu para sair e falei para que aguentasse até o final da primeira etapa. O Kannemann saiu por ter tomado o amarelo ao final do primeiro tempo, na pressão do jogo, poderia ter sido expulso".
Logo, um dos jogadores que vinham sendo criticados pelo seu baixo rendimento ganhou espaço de análise na coletiva do treinador. O jovem atacante tricolor não vinha marcando gols, mas está reencontrando o caminho das redes nas últimas partidas:

"O Luan é muito importante, um bom garoto. Quando não vinha fazendo os gols e ele era questionado, sempre o banquei. Sabia que ele iria voltar a fazer gols. Ele não estava mal, estava perdendo gols. É um jogador importante”, relatou.

Pensando no seguimento da temporada, Renato foi questionado se o sistema de preservação no Brasileirão permaneceria para a demais disputas , tais como Copa do Brasil e Libertadores:

"Você me pergunta se podemos priorizar, vamos, sim. Aqui dentro temos pessoas inteligentes, decidimos o melhor para o clube. Quem entende de futebol, sabe que as decisões que estamos tomando é o melhor para o clube. Se tiver que priorizar, vamos conversar. Agora não pensamos nisso, temos uma sequência no Brasileirão com força máxima. O jogador sempre quer jogar, eles ficam até um pouco aborrecidos. Temos que pensar com a cabeça, sabíamos que seria melhor poupar contra o Sport. Provamos que estávamos certos. Imagina a equipe principal contra o Sport com aquele campo pesado e a chuva. A torcida do Grêmio pode ficar tranquila, buscamos o melhor para o clube nas nossas decisões".

O tricolor gaúcho volta a campo no próximo domingo (4), contra o Vasco da Gama na Arena, com partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro. A busca é por seguir no G-4 e manter a liderança próxima.

VAVEL Logo