Com gol no começo e pênalti perdido do rival, Atlético-PR bate Atlético-GO fora de casa
Foto: Marco Oliveira/Atlético-PR

Nesse sábado (17) na abertura da rodada no estádio Olímpico em Goiânia se enfrentaram pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017 Atlético-GO e Atlético-PR. Numa partida de boas alternativas dos dois lados, o gol no começo marcado por Sidcley foi o único da partida em Goiás.

Com a vitória, o time paranaense chegou aos oito pontos e saiu mesmo que provisoriamente do Z-4, ocupando o 15º lugar. Já o time goiano parou nos seis pontos e está em 17º lugar podendo perder algumas posições no decorrer da rodada.

Na próxima rodada, o Atlético-PR recebe o São Paulo na quarta (21), às 21h45, na Arena da Baixada, enquanto que o seu xará goiano visita no mesmo dia, mas às 21h, o Palmeiras, no Allianz Parque.

Atlético-PR abre o placar logo no começo e vê Everaldo mandar pênalti para fora

Logo no primeiro ataque, aos três minutos, Douglas Coutinho recebeu na entrada da área e ajeitou o corpo para bater rasteiro. O goleiro deu rebote, que caiu nos pés de Sidcley que só completou pro gol vazio e abriu o placar para o Furacão. Com 10 minutos, os visitantes assustaram de novo. Nikão  recebeu de Douglas Coutinho e bateu de primeira e a pelota passou raspando a trave.

Aos 14, o time da casa teve a primeira oportunidade. Igor  aproveitou o bate-rebate após escanteio e cabeceou para o gol, porém Weverton estava atento e mandou a bola para fora. Três minutos depois, os goianos voltaram a assustar com Everaldo, que bateu cruzado, mas a bola desviou e bateu no travessão.

Mantendo-se superior no jogo, o time da casa teve uma chance de ouro aos 19. Igor foi derrubado por Nicolas na área e o árbitro marcou pênalti. Everaldo, que havia feito dois gols cobrando penalidade máxima na rodada anterior, bateu muito mal e mandou direto para fora.

Depois do pênalti perdido, ambos os times não conseguiram criar como outrora, até que aos 42 minutos Nicolas cruzu da esquerda e Grafite ajeitou de cabeça para Sidcley, que bateu de primeira, mas a pelota passou perto do ângulo.

Weverton garante vitória do Furacão

Após o intervalo, a primeira chance foi aos cinco minutos com Igor, que fintou Douglas Coutinho e bateu forte exigindo boa defesa de Weverton. Aos 10, Andrigo recebeu do lado esquerdo e chutou muito forte chegando até mesmo a balançar a rede mas do lado de fora.

Aos 35, Nikão cruzou para a área e lá estava Matheus Rossetto que bateu de primeira e obrigou Felipe a fazer uma grande intervenção. Quatro minutos depois veio a última chance dos goianos com Walter que finalizou de fora da área e Weverton defendeu com a ponta dos dedos para garantir a vitória do time paranaense.

VAVEL Logo