Flamengo x Cruzeiro na Copa do Brasil: confronto de histórias, títulos e muito equilíbrio
Flamengo x Cruzeiro: um confronto de histórias, título e equilíbrio (Foto: Rodrigo Rodrigues/Editoria de Arte VAVEL Brasil)

Em um dia especial como o feriado de 7 de setembro, quando comemoramos a Independência do Brasil, nada melhor do que uma boa partida de futebol - e é isso que Flamengo e Cruzeiro prometem ao público nesta quinta-feira.

No Maracanã, o Rubro-Negro recebe a Raposa pelo jogo de ida da final da Copa do Brasil, um dos torneios mais importantes no cenário futebolístico nacional. Com ingressos esgotados para a torcida do Flamengo, a expectativa é de mais um confronto histórico entre dois dos maiores clubes do país.

A poucos dias da grande decisão, a VAVEL Brasil decidiu relembrar algumas das partidas mais marcantes entre Flamengo e Cruzeiro ao longo da história. Confira abaixo:

Flamengo e Cruzeiro acumulam confrontos históricos na Copa do Brasil

Desde a primeira edição da Copa do Brasil, em 1989, são oito confrontos entre Flamengo e Cruzeiro, com duas vitórias para cada lado e quatro empates. A Raposa é superior no número de gols marcados, apesar do equilíbrio entre as equipes: são oito tentos cruzeirenses e sete do Flamengo

No primeiro grande confronto entre os clubes no torneio nacional, em 1995, a vantagem foi do Flamengo - no jogo de ida das quartas de final, o clube da Gávea venceu por 1 a 0 no Mineirão, com gol de Sávio. Na volta, em partida disputada no Maracanã, o empate por 1 a 1 (gols de Rogério Lourenço e Sávio) garantiu a classificação às semifinais ao Rubro-Negro.

Sávio foi um dos principais artilheiros do Flamengo entre 1992 e 1997 (Foto: Divulgação)
Sávio foi um dos principais artilheiros do Flamengo entre 1992 e 1997 (Foto: Divulgação)

Já em 1996, o caminho dos dois clubes se cruzaria novamente, mas o vitorioso seria outro: pelas semifinais da Copa do Brasil, Flamengo e Cruzeiro empataram por 1 a 1 no Maracanã; Sávio e Cleison fizeram os gols da partida para o Rubro-Negro e a Raposa, respectivamente. No segundo jogo, no Mineirão, brilharia a estrela do time da casa - com o placar final da partida empatado em 0 a 0, o critério de gol fora de casa garantiu a classificação celeste à final. Naquele mesmo ano, o clube mineiro tornaria-se o grande campeão da Copa do Brasil em cima do Palmeiras.

Em 2003, o time mineiro levaria vantagem novamente: 1 a 1 no Maracanã, no primeiro jogo, e 3 a 1 para o Cruzeiro no Mineirão. Cruzeiro Campeão da Copa do Brasil, como já havia sido em 1993, 1996 e 2000.

2013: Flamengo bate o Cruzeiro e avança às quartas da Copa do Brasil

Quando o assunto é jogos históricos, a memória do torcedor logo desperta - e não tem como pensar em Flamengo e Cruzeiro na Copa do Brasil sem lembrar das oitavas de final de 2013.

Aquele era um bom ano para a Raposa, que caminhava para a conquista do título no Campeonato Brasileiro e chegava forte contra o Rubro-Negro. Os ânimos da torcida carioca foram abalados após a derrota por 2 a 1 no jogo de ida das oitavas - apesar dos gols de Willian (Cruzeiro) e Carlos Eduardo (Flamengo), o gol mais marcante da partida foi um belo chute de Éverton Ribeiro, que à época defendia o clube mineiro e hoje veste a camisa do Flamengo.

Tendo que correr atrás do prejuízo, o Flamengo precisaria superar o Cruzeiro em casa - pelo resultado na ida, o clube mineiro tinha a vantagem do empate para garantir a classificação. A torcida rubro-negra marcou presença no Maracanã para apoiar a equipe no confronto decisivo: eram 53.538 presentes no célebre estádio. 

Elias, em primeiro plano, marcou o gol da classificação e comandou a festa da torcida rurbo-negra no Maracanã (Foto: Buda Mendes/Getty Images)
Elias (em primeiro plano) marcou o gol da classificação  do Flamengo e comandou a festa da torcida rubro-negra no Maracanã (Foto: Buda Mendes/Getty Images)

Apesar da festa nas arquibancadas, o clima dentro de campo era tenso. Em um confronto recheado de emoções, mas com poucas chances, a partida ia se encaminhando para o final do tempo com o placar zerado, até que surgiu Elias. O volante recebeu passe de Paulinho, que armou rápido contra-ataque pela direita, e bateu de primeira no canto esquerdo de Fábio para fazer 1 a 0 para o Flamengo no Maracanã - o gol da classificação.

Um jogo marcante, emocionante, e decidido nos últimos minutos: um jogo com a cara e o tamanho de Flamengo e Cruzeiro. No mesmo ano de 2013, o Flamengo terminaria campeão da Copa do Brasil em cima do Atlético-PR, conquistando seu tricampeonato no torneio (1990, 2006 e 2013).

Flamengo e Cruzeiro fazem um dos confrontos mais aguradados do ano nesta quinta-feira (07). Em partida válida primeiro jogo da grande final da Copa do Brasil

VAVEL Logo