Luxemburgo enaltece classificação, mas lamenta atuação do Sport
Apesar de admitir o sofrimento, o treinador do Leão exaltou a classificação inédita(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Na noite desta quarta-feira (20), o Sport conquistou a classificação até então inédita no futebol nordestino para as quartas de final da Copa Sul-americana, ao superar a Ponte Preta pelo placar agregado de 3 a 2, após ter vencido por 3 a 1 na Ilha do Retiro e perdido por 1 a 0 em Campinas. Na entrevista concedida após a partida, o técnico Vanderlei Luxemburgo admitiu que o time sofreu para conseguir o objetivo, mas exaltou o fato dos Rubro-negros conseguirem avançar de fase.

''Uma competição diferente, contra o Arsenal nós passamos graças ao gol fora de casa. Aqui, a Ponte fez o gol e a gente se classificou, mas sofrendo. A técnica ficou um pouco esquecida, mas nós colocamos o coração em campo, até falei para os jogadores no fim do jogo, que nós temos um time de qualidade e não podemos, com um a mais, ficar rifando a bola. Tem que provocar o adversário, sofrer falta, e deixamos um pouco a desejar.''

Luxa insistiu em bater na tecla de que seus atletas deveriam atacar mais e buscar o gol, que complicaria ainda mais a situação dos adversários. O treinador citou a questão psicológica e emocional, em que o Leão não poderia ter caído na estratégia da Macaca e valorizado a posse de bola, sem ceder espaços para que os alvinegros encaixassem seu jogo e conseguissem o segundo tento.

''O gol foi um bate-rebate. Nos faltou ter qualidade, principalmente com um jogador a mais, girar mais a bola e ter confiança para isso. Temos de ir com a vantagem de saber que podemos ir bem e não disputar a bola, entrar no jogo adversário. Não dá para entrar no jogo deles e colocar o emocional na frente. Nós temos qualidade, se fizéssemos um gol, eles teriam que fazer mais.'', comentou.

O Sport enfrenta agora o Júnior Barranquila-COL, pelas quartas de final da competição, em duelo que marca a primeira participação de um clube do Nordeste nessa fase do torneio. Mas, o próximo desafio dos pernambucanos será na próxima segunda-feira (24), pelo Campeonato Brasileiro, diante do Vasco. No Brasileirão, os leoninos não vencem desde julho e necessitam de um triunfo para se afastar da zona da degola.

VAVEL Logo