No centésimo clássico, Paraná recebe Coritiba pela segunda rodada da Taça Caio Júnior
(Foto: Rodrigo Sanches / Paraná)

Nesta quarta-feira (07), Paraná Clube e Coritiba se enfrentam pela segunda rodada da Taça Caio Júnior, às 21h45, na Vila Capanema. Ambos os clubes vêm de tropeços na primeira rodada; Coxa perdeu para o Maringá por 3 a 0, e Paraná empatou com o Cianorte por 2 a 2 na estreia do treinador Rogério Micale. Na partida de hoje, Micale terá outra estreia, dessa vez comandará o Tricolor da Vila pela primeira vez no Dorival Britto, que é a casa do clube desde 1971.

No clássico Paratiba de hoje, as equipes perpassam por momentos absolutamente diferentes. Coritiba, que começou o ano pressionado com a renovação do elenco e o comando de Sandro Forner, hoje vive um cenário positivo, após duas classificações na Copa do Brasil( contra Parnahyba e Uberlândia) e o título da Taça Dionísio Filho, que agora permite o time do Alto da Glória ser campeão estadual, sem disputar a final dos turnos, caso vença a Taça Caio Júnior.

Força máxima

Posterior a uma sequência de muitos jogos decisivos, Sandro Forner poupou titulares na partida contra o Maringá, que resultou em derrota. No confronto desta quarta-feira, Sandro escalará força máxima para o clássico. A única dúvida é quem entra no lugar do volante Vitor Carvalho, que foi vetado por lesão. Além do camisa 5, Coritiba também não poderá contar com o lateral-esquerdo William Matheus (pancada no tornozelo) e o atacante Kleber (se recupera de lesão)

A provável escalação é: Wilson; Marcos Moser, Thalisson Kelven, Romércio e Léo Andrade; João Paulo (Matheus Galdezani), Julio Rusch, Thiago Lopes, Iago Dias e Guilherme Parede; Alecsandro.

Micale tenta dar sequência

Já o Paraná, que terminou temporada passada em êxtase com a torcida após o acesso à primeira divisão do Campeonato Brasileiro, hoje vive momento conturbado. O Tricolor da Vila iniciou mal o ano com derrotas nas primeiras rodadas do Campeonato Estadual, eliminação na Copa do Brasil para o Sampaio Correa e até troca de treinador.

Hoje, Micale busca implementar seu estilo de jogo e entrosar a equipe, portanto deverá manter o mesmo time, que empatou com o Cianorte na primeira rodada do segundo turno. O treinador tem alguns desfalques e não poderá contar com o goleiro Luís Carlos, o zagueiro Charles, os volantes Jhony e Guilherme Biteco e o meia Matheus Pereira estão em recuperação.

A provável escalação é: Richard; Alemão (Júnior), Neris, Rayan e Mansur; Leandro Vilela, Jhonny Lucas, Carlos Eduardo e Báez; Vitor Feijão e Thiago Santos.

Histórico

O Paratiba sempre é marcado por rivalidade, mas a partida dessa quarta é ainda mais especial. Paraná e Coritiba disputarão hoje o centésimo confronto do clássico, que existe desde 1990.

Em todos os jogos, Coxa possui 38 vitórias e 121 gols, contra 32 vitórias do Tricolor e 120 gols marcados. Os clubes empataram 29 vezes. Embora o verdão leve vantagem nos confrontos gerais, o Tricolor se sobressai nos jogos históricos: triunfou sobre o Coxa em três finais de Campeonato Parananense (91,95 e 96). O Coritiba só venceu uma final de Estadual contra o Paraná (99), quando quebrou o jejum de dez anos sem títulos.

Ingressos

Valores

Curva Norte: R$ 60 / R$ 30 (meia)

Reta do Relógio: R$ 80 / R$ 40 (meia)

Arquibancada Social: R$ 90 / R$ 45 (meia)

Cadeira: R$ 100 / R$ 50 (meia)

Cativa: R$ 50

Camarote: R$ 100 / R$ 50 (meia)

Visitante: R$ 60 / R$ 30 (meia)

Horários de atendimento

Quarta (dia do jogo)

Capanema: das 9h até o fim do primeiro tempo

Kennedy: das 9h às 17h45

 

VAVEL Logo