Edílson é entregue à preparação física e está perto de voltar a ficar disponível no Cruzeiro
No clássico, Edílson foi expulso após falta sobre Otero (Foto: Washington Alves/Light Press)

Sem entrar em campo desde o dia 4 de março, o lateral-direito Edílson está perto de retornar à dispobilidade do técnico Mano Menezes. O atleta do Cruzeiro se machucou no começo deste mês, no clássico contra o Atlético. No duelo, chegou a ser expulso após cometer falta sobre Otero, mas, no próprio lance, machucou o joelho direito.

Desde então, o experiente lateral tem feito tratamento na Toca da Raposa. A etapa pela qual passa Edílson é a transição da fisioterapia para a preparação física, estágio anterior a um estado considerado adequado para atuar. É praticamente descartada a presença do lateral no duelo de domingo, contra o Tupi, pela volta da semifinal do Mineiro. Há, no entanto, chances dele jogar uma eventual decisão.

Desde quando se machucou, o titular absoluto da lateral direita do Cruzeiro viu duas peças o substituírem nas quatro partidas das quais esteve ausente. O lateral Ezequiel e volante Lucas Romero jogaram no corredor direito da Raposa, sendo que o primeiro fez um jogo, e o segundo, três.

Assim que voltar, se ainda for com o Mineiro acontecendo, Edílson retornará já pendurado. Isso porque o jogador estava nessa condição no clássico, mas, como foi expulso, cumpriu suspensão, o que não anulou os seus dois amarelos. 

O Cruzeiro tem, em sua agenda agenda, o jogo de volta da semifinal do Campeonato Mineiro no domingo (25), às 11h, contra o Tupi. A partida de ida ficou 1 a 0 para a Raposa, que, se avançar para a decisão do Estadual, joga nos dois 1º e 8 de abril. Nesse ínterim, o calendário da equipe tem a disputa da segunda rodada da Libertadores no dia 4 de abril, às 21h45, contra o Vasco, no Mineirão.

VAVEL Logo