Santa Cruz goleia Confiança e encerra primeira fase do Nordestão na liderança do Grupo A
Atacante Robinho comemorando mais um gol com a camisa Coral, na Copa do Nordeste. FOTO: Divulgação / Santa Cruz Futebol Clube.

Brigando para encerrar a primeira fase invicto e líder do Grupo A, pela Copa do Nordeste, o Santa Cruz, na noite desta quarta-feira (28), recebeu o Confiança, no Arruda, que já sem muita esperança de classificação, mandou à campo um time repleto de reservas, que foi goleado pelo Tricolor Pernambucano, em um jogo bastante tranquilo para os Corais.

 

O Tricolor não quis saber de brincadeira e logo aos 3 minutos do primeiro tempo, Vítor cruzou para Héricles, mas o goleiro Rafael interceptou a jogada, defendendo. Aos 5 minutos, nova descida rápida do Santa, pelo lado esquerdo, Ilaílson tocou para Ávila, que cruzou rasteiro e encontrou Robinho. A bola passou na frente do gol, dentro da pequena área e o atacante Coral só teve o trabalho de escorar o pé, mandando a bola para o fundo do gol. Com o gol sofrido, o Confiança precisou sair para o jogo. Aos 9 minutos, Gilsinho fez boa jogada e cruzou na área Tricolor. Léo Ceará desviou e a bola foi para fora. Em resposta, o Santa Cruz, em mais uma descida em velocidade, marcou o segundo gol. Vítor acertou um belo cruzamento na cabeça de Fabinho Alves. O ponta cabeceou firme no canto do goleiro Rafael e ampliou para o Santa. Logo aos 13, nova investida Tricolor pelos lados de campo. Giovani chutou cruzado, de fora da área, e o goleiro do Confiança fez uma boa defesa. Bombardeiro Coral! Fabinho Alves faz boa jogada pelo lado esquerdo e cruza na área do Confiança e a zaga manda para escanteio. Aos 22 minutos, saiu o primeiro cartão amarelo do jogo. Gilsinho é advertido pelo árbitro Diego Pombos Lopes.

 

O Confiança pouco criou no primeiro tempo, mas conseguiu balançar as redes do Santa após pênalti cometido por Danny Morais, aos 30 minutos. Na cobrança, Léo Ceará marcou e diminuiu a diferença no placar. Santa Cruz 3, 0 para os Sergipanos. Em resposta, aos 39, Ilaílson experimentou de fora da área e a bola passou muito perto da meta de Rafael. Sempre descendo com rapidez, os Tricolores assustavam com jogadas em linha de fundo e com bolas cruzadas na área. Nesta vez, Héricles não alcançou o cruzamento de Vítor e a bola saiu em linha de fundo. Aos 47, Luiz Otávio recebeu cartão amarelo. Em seguida, o arbitro encerou o primeiro tempo.

 

Na volta do intervalo, o Confiança fez sua primeira modificação na partida. Pedro Pires ficou no banco e Jefinho foi acionado para iniciar a etapa complementar. Com fôlego novo, a equipe azulina voltou melhor no jogo e foi a primeira entre as equipes a chegar a meta adversária. Pressionado, o Santa Cruz logo tratou de acordar no jogo. Aos 8 minutos, Héricles cobrou falta com perigo e a bola foi para fora. Aos 13, Júnior Rocha sacou o falso 9, que deu entrada ao atacante Augusto. Aos 14, uma boa jogada ensaiada da equipe do Confiança e quase Jefinho marca, de cabeça. Embora o Confiança esboçasse algum susto ao Santa, o Tricolor se mostrava vivo a todo momento e continuava agredindo o clube Sergipano. Aos 19 minutos, Robinho fez ótima jogada pela direita, cruzou e a bola sobrou para Fabinho Alves. O atacante limpou o primeiro zagueiro, mas foi travado na hora de marcar! Em seguida, aos 22, o Santa chega mais uma vez, em um cruzamento que veio na área e Augusto, por muito pouco, não conseguiu marcar. Na sequência da jogada, Vítor passou para Fabinho Alves, que tocou voltando. O zagueiro cortou para escanteio e salvou o quarto gol Coral. Mas, aos 26, não teve jeito. Em grande jogada individual de Augusto, o Santa Cruz marcou seu quarto gol no jogo. No lance, o atacante passou em velocidade pelo zagueiro e tocou na saída do goleiro.

 

Aproveitando as oportunidades após voltar de lesão, Augusto, aos 29 minutos, invadiu a área em velocidade e chutou, mas a bola foi desviada para escanteio. No lance seguinte, aos 30, uma bela jogada de Geovani! O meia dominou o cruzamento, tirou o zagueiro com apenas um toque e chutou forte em direção ao gol. O goleiro defendeu e mandou para escanteio. Na tentativa de ampliar ainda mais o placar, o comandante Coral efetuou duas alterações no mesmo tempo, aos 33 minutos. Saíram Fabinho Alves e Vítor e entraram Vinícius e Maílton. Aos 45 minutos, Tiago Machowski fez uma boa, num chutaço de fora da área. Aos 48, o Juiz encerrou a partida.

 

Com o fim da 6° rodada, para o Grupo A, o Santa Cruz finaliza a primeira fase de forma invicta, vencendo todos os jogos em casa e sem perder nenhum fora. Já o Confiança, se despede da competição, tendo em vista que o CRB/AL, junto com o Tricolor, também se classificou (2° colocado). 

VAVEL Logo