Atlético-PR chega a virar, mas cede empate ao Internacional e permanece no Z-4
Foto: Rodrigo Duarte/Internacional

O Atlético empatou em 2 a 2 com o Internacional, em rodada válida pela 13ª rodada da Série A do Brasileirão. Depois de mais de mil minutos sem marcar um gol, William Pottker desencantou e abriu o placar da partida. Paulo André e Raphael Veiga viraram para os paranaenses, mas Wellington Silva deixou tudo igual na Arena da Baixada e salvou os Colorados de uma derrota.

Com o resultado em 2 a 2 o Internacional saiu da G-4 e soma 23 pontos, os mesmos pontos do Grêmio, 4º colocado, mas com um gol de saldo melhor. Ainda assim os colorados continuam na classificação para Libertadores. Já o Atlético-PR continua em situação complicada na zona de rebaixamento. Apesar do empate, os paranaenses saíram na penúltima colocação e foram para o 18º lugar, com 10 pontos.

O Atlético-PR volta a campo no domingo (22) contra a equipe do Cruzeiro, às 19h, no estádio do Mineirão. Já o Internacional joga na segunda-feira (23), enfrentando o lanterna Ceará, às 20h, no estádio Beira-Rio.

Pottker desencanta, mas Atlético-PR consegue o empate

O jogo começou com a equipe da casa dominando as ações do jogo. Bergson chegou a empurrar a bola nas redes, mas o impedimento foi marcado pelo árbitro da partida.

Percebendo a iniciativa dos paranaenses, o Inter tratou de abrir o placar. Nico López cruzou na área na esperança de alguém desviar para o gol, e foi quando William Pottker apareceu. O atacante desviou a bola para o gol com o braço, observado no replay, e saiu para o abraço da equipe. O camisa 99 não marcava a mais de cinco meses.

Depois de muita reclamação, o Furacão retomou o controle da partida e foi para o ataque mais uma vez, dessa vez determinados a marcarem um gol. E quem apareceu foi Raphael Veiga. O meia marcou seu primeiro gol com a camisa do Atlético-PR e empatou em bonita jogada, onde carregou a bola com liberdade pelo meio e bateu certeiro para empatar.

CAP vira, mas Wellington Silva vira herói para Internacional

O segundo tempo começou com o Furacão determinado a virar o placar. Nikão fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área, Pablo se antecipou à Iago e cabeceou para fora, desperdiçando uma boa chance para os paranaenses.

Quem não desperdiçou a chance foi Paulo André. O zagueiro aproveitou a bela cobrança de escanteio de Raphael Veiga e cabeceou firme para o fundo do gol. Com a virada, o Furacão ia ganhando uma sobrevida na zona de rebaixamento.

A felicidade do Atlético durou pouco. Aos 32 minutos, Wellington Silva aproveitou a bobeira da zaga rival e emendou um forte chute no ângulo para garantir o empate dos Colorados em casa. Frustrando os planos dos paranaenses em se aproximar do Bahia, na disputa da fuga da Série B.

VAVEL Logo