Bruno César comenta primeiro gol pelo Vasco: "Ainda bem que saiu antes do Brasileiro"
Divulgação/ Vasco

Bruno César comenta primeiro gol pelo Vasco: "Ainda bem que saiu antes do Brasileiro"

Meia marcou nesta quarta-feira (20) e ajudou na vitória de 2 a 0 sobre o Resende no Campeonato Carioca; Gigante da Colina ocupa a segunda colocação do Grupo B

agnesrigas
Agnes Rigas

Na tarde desta quinta (21), o escolhido para a coletiva de imprensa após as atividades do Vasco foi o meia Bruno César. Na partida de ontem, o jogador pode marcar pela primeira vez com a camisa do clube cruz-maltino e falou um pouco sobre o momento do time no Campeonato Carioca e como estão batalhando para se manter na zona de classificação.

Um dos assuntos principais, obviamente, foi sobre como se sentiu em marcar com a camisa do Gigante da Colina pela primeira vez. O mesmo disse que sempre existe uma pressão quando você chega em um clube para marcar logo, mas acima de tudo, a vitória do clube ontem foi mais importante do que tudo.

"Acho que fica um sentimento de quando vai sair o primeiro gol e agora tira um peso das costas. Estava trabalhando para isso, mas o importante foi o Vasco vencer. Ainda bem que saiu antes do Brasileiro, que tem mais responsabilidade", disse o jogador.

Bruno foi perguntado sobre o momento do jovem atacante Tiago Reis, que pode fazer seu primeiro jogo como titular e ainda marcar também o seu primeiro gol como jogador profissional. Disse ainda que o torcedor pode esperar que somente coisas boas vão surgir dessa promessa do Vasco.

"O Tiago Reis é um bom jogador e mostrou na Copinha. A gente tem que saber a hora certa de colocar esses moleques e o Alberto sabe. O colocou contra a Cabofriense. Um menino que vai dar muitas alegrias ao torcedor. Um ano longo que vamos precisar de todos", declarou.

Perguntado sobre o próximo desafio do clube na competição, o meia não mediu esforços para dizer o quanto o elenco deve estar atento para essa partida. Ainda falou sobre como o Bangu vem se destacando na competição e que devem trabalhar para não deixar o adversário crescer na partida.

"A gente sabe que é um jogo difícil e precisamos ganhar. Bangu vem fazendo um grande campeonato, mas vamos jogar no nosso estádio e diante da torcida. Respeitamos o Bangu, mas entraremos para vencer, pois dependemos desse jogo", afirmou Bruno.

VAVEL Logo