0-1, Esquerdinha. 0-2, Salatiel Júnior.
Sampaio Corrêa vence Confiança fora de casa e se aproxima da final da Série C
Foto Divulgação/Sampaio Corrêa

Sampaio Corrêa vence Confiança fora de casa e se aproxima da final da Série C

Time maranhense não sentiu dificuldades diante do Dragão e conseguiu uma bela vantagem

rafaelalvesgomes
Rafael Alves

O Sampaio Corrêa está muito próximo de ser finalista da Série C do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado (14), a equipe maranhense derrotou o Confiança, fora de casa, na Arena Batistão, por 2 a 0, no jogo de ida da semifinal da competição, e encaminhou a classificação para a decisão.

Os gols da vitória da Bolívia Querida foram marcados por Esquerdinha, na etapa inicial, e Salatiel Júnior, no segundo tempo. Com o resultado, o Sampaio Corrêa pode empatar ou até perder por um gol de diferença no jogo de volta que ficará com a vaga na decisão.

Ao Confiança, resta vencer. Em caso de uma vitória por dois gols de vantagem, o confronto será decidido na disputa de pênaltis. Triunfo por três ou mais gols de diferença dá a classificação ao Dragão.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado (21), às 17h, no Estádio Castelão, em São Luís.

Massacre tricolor

Bem postado em campo, o Sampaio Corrêa dominou a partida desde o início. Diante de um Confiança extremamente defensivo, o time visitante se impôs e conseguiu balançar as redes aos 20 minutos. Após um bom desarme, João Victor chegou à linha de fundo, cruzou por baixo e Esquerdinha aproveitou para abrir o placar.

Precisando empatar, o Dragão foi ao ataque, mas não conseguiu produzir boas chances. Na melhor oportunidade, Ari Moura fez uma bela jogada individual e deixou para Ítalo, que bateu firme, levando perigo ao goleiro Andrey.

Problema resolvido

O panorama da partida não mudou na etapa final, mas o Confiança apresentou uma leve melhora com a entrada de Rafael Vila. O problema é que o time proletário não conseguiu converter o bom desempenho em gols. Assim, a defesa do Sampaio Corrêa não foi muito exigida.

Restou a Bolívia Querida continuar se impondo até conquistar o gol da vitória. Ele veio quando Eloir roubou a bola, invadiu a área e deixou Salatiel Júnior livre para empurrar e decretar o triunfo maranhense em Aracaju.

VAVEL Logo
CHAT