Goiás soma terceira vitória seguida, e Abel Braga estreia com derrota no Cruzeiro
Foto: Heber Gomes/AGIF

No complemento da 22ª Rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, Goiás e Cruzeiro se enfrentaram em momentos distintos. O Verdão querendo manter uma sequência positiva e a Raposa em busca de atuações melhores e menos polêmicas. A estreia do novo treinador, Abel Braga, não foi do jeito esperado, pois Alan Ruschel tratou de fazer o único gol do jogo: 1 a 0 para o Esmeraldino.

Posse do Cruzeiro, chances dos dois lados

O jogo começou morno, com os times se estudando muito. O Cruzeiro com mais posse de bola e o Goiás apostando em contra-ataques rápidos. O primeiro chute em gol foi aos 10 minutos numa falta cobrada por Rafael Vaz que passou longe do gol de Fábio. Aos 13, Sassá respondeu pela Raposa, ao chutar de fora da área à esquerda do gol de Tadeu. Aos 15, de novo o Cruzeiro no ataque: David recebeu em profundidade na esquerda, driblou o zagueiro e cruzou para Robinho, que chutou caído por cima do gol.

O Verdão respondeu aos 18, com chute de fora da área de Michael que passou perto da trave. Aos 27, numa cabeçada do zagueiro Sanches ocorreu a primeira defesa de Fábio no jogo. O Goiás foi avançando e insistindo em jogadas pela direita com Michael. Sassá em seguida, aos 30, chegou atrasado e bateu de cabeça para fora. A partida ficou mais uma vez pouco movimentada com muitas bolas diretas e lançamentos a esmo e primeiro tempo terminou 0 a 0.

Intervenção do VAR, precisão do Goiás

A segunda etapa começou devagar como a primeira. Aos 4 minutos David pegou a defesa do Goiás dormindo e ganhou a bola de Sanches na esquerda e passou para Thiago Neves que livre chutou para o gol, mas o VAR anulou o gol, pois David estava impedido ao receber a bola. Aos 12, em mais uma jogada pela esquerda, Sassá chutou e Sanches travou mandando para escanteio. Aos 16 o Goiás deu o primeiro golpe certeiro no jogo: em um lançamento despretensioso de Michael, Alan Ruschel apareceu livre na outra ponta apenas para empurrar na rede de Fábio, 1 a 0 para o Verdão, confirmado pelo VAR.

Thiago Neves deu a resposta Azul aos 21, com um chute de fora da área forçando boa defesa de Tadeu. O Cruzeiro continuou atacando pela esquerda, principalmente com Sassá e cruzando bolas que paravam na defesa do Goiás. Com a entrada de  Ezequiel, a Raposa passou a explorar jogadas em velocidade, sempre pelo lado esquerdo, mas o Goiás, eficiente na defesa, bloqueou todas as tentativas Cruzeirenses até o fim do jogo.

Tabela e próximos jogos

O Goiás está na 11ª posição com 30 pontos e joga no domingo (06) contra o Ceará, em Fortaleza. O Cruzeiro continua no Z-4 na 19ª posição com 19 pontos e joga no sábado (05) contra o Internacional, no Mineirão.

VAVEL Logo