Sob
turbulência e expectativa de renúncias, Cruzeiro confirma Adilson Batista por
uma temporada
Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Em meio a um cenário de caos instaurado no Cruzeiro, cercado de protestos da torcida, reuniões, possíveis renúncias, declaração polêmicas, entre outros problemas, o clube anunciou, na tarde desta segunda-feira (16), em reunião na Toca da Raposa II, a permanência do técnico Adilson Batista - contrato válido de um ano.

Apesar de ter chegado na Raposa no dia 29 de novembro, após um pedido do ex-gestor de futebol da equipe celeste, Zezé Perrella, últimos dias foram de muitas reviravoltas quanto à permanência ou não do treinador, já que o mesmo que o bancou foi demitido do cargo.

Na ocasião, Adilson chegava com a missão de salvar o Cruzeiro do rebaixamento, tendo pela frente mais três rodadas – Vasco, Grêmio e Palmeiras -, missão esta não concretizada, após três derrotas e a presença na Série B garantida de forma inédita.

O treinador, no entanto, contará com a confiança dos dirigentes no retorno da equipe à Série A, a partir de um elenco reformulado, com redução de salários e rejuvenescido.

VAVEL Logo