#NoContexto: Como está a situação do futebol no Ceará?
Foto: Divulgação/Secretaria de Esporte e Juventude do Ceará

Os Campeonatos Estaduais estão paralisados desde março devido à pandemia de Covid-19, mas, em vários lugares, já existem movimentos de volta aos treinamentos.

VAVEL Brasil fez um levantamento de como está a situação em relação às decisões governamentais e como os clubes e federações estão se organizando nos seguintes estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, Bahia, Pernambuco, Ceará, Alagoas e Goiás.

O Campeonato Cearense e a Copa do Nordeste estão pausados, obedecendo assim, o decreto da Organização Mundial da Saúde (OMS). No estado do Ceará, grandes clubes como Fortaleza, Ceará e Ferroviário tiveram que pausar  suas atividades desde a segunda quinzena de março.

Como está a situação no Ceará?

O Cearense parou na sexta rodada da segunda fase, apenas um jogo da rodada foi disputado. A partir do dia 16 de março os clubes pausaram suas atividades e entraram em férias coletivas, desde então os jogos seguem sem previsão de volta, clubes não podem voltar a  treinar  de acordo com novo decreto estadual que ampliou as medidas de isolamento social até o dia 20 de maio, no entanto não há flexibilização para o esporte.

A Federação Cearense de Futebol (FCF), com reunião agendada com a Secretaria de Saúde do Estado, para discutir sobre possível volta dos treinos nos CT's. Mauro Carmélio destacou que diante da atual situação do estado não seria viável qualquer evento, mesmo que fosse treino dos atletas com a comissão técnica. 

A FCF garantiu que campeonato estadual será decidido em campo, e que nova data de retorno será definida, de acordo com o presidente Mauro Carmélio.

"O Cearense Série A será concluído em data marcada pela FCF e estabelecida somente de acordo com as normas emanadas do Governo do Estado do Ceará e autoridades médicas competentes”

Apesar do Ministério da Saúde ter liberado a volta dos treinamentos, os estados ainda tomam a decisão final. Sendo assim no Ceará as partidas podem ocorrer apenas se tiver baixo risco para jogadores e funcionários. 

Fortaleza, Ceará e Ferroviário 

Ceará está se readaptando com treinos por  videoconferência, os treinos se iniciaram no começo do mês de maio e acontecem por volta de cinco vezes na semana. Em coletiva online na última quinta-feira (14), Guto Ferreira falou sobre a readaptação durante as competições: "Temos que seguir nos preparando nos primeiros jogos. O processo não para; nos aprontaremos durante as competições.".

Já o Fortaleza, em parceria com a academia Smartfit está tendo treinos por videoconferência, desde 4 de maio. As atividades estão sendo coordenadas pelo preparador físico Danilo Augusto, que falou sobre o retorno dos treinos.

"Iniciamos nosso trabalho remoto, com treinamento à distância, todos os atletas em horário já estipulado, seguindo uma programação, participam de nossa sessão de treino. Nossa sessão de treino realizada com exercícios que podem ser feitos em ambiente pequeno, dentro de casa, seguindo as recomendações dos órgãos de saúde”.

Na liderança do estadual, Ferroviário segue cumprindo suas obrigações, com treinamento em casa, sob atividades supervisionadas pelo departamento físico. 

VAVEL Logo