Mesmo após vitória, Luxemburgo admite
que Palmeiras ‘está distante’ do nível planejado

Foto: Cesar Greco / Palmeiras 

O Palmeiras venceu o Água Santa pelo Campeonato Paulista, neste domingo (26), por 2 a 1, no Allianz Parque. Com o resultado, a equipe garantiu a primeira colocação no Grupo B e vai enfrentar o adversário Santo André em casa, pelas quartas de final da competição. 

O técnico do Verdão, Vanderlei Luxemburgo, concedeu entrevista coletiva após a partida.

Sobre a vitória, o treinador afirmou que, independente do resultado do Santo André, o objetivo seria vencer, pois o Ramalhão já estava classificado para as quartas.

“Antes de começar o jogo, na palestra, falei que o importante era ganharmos, sem nos preocuparmos com o resultado do Santo André, já que enfrentaríamos a equipe em qualquer lugar. Com o resultado negativo para o Santo André, a vitória foi importante para nós, porque jogaremos em casa. Por mais que não tenha torcida, nós conhecemos os espaços. Foi importante conseguir a vitória da maneira que conseguimos”, afirmou Luxemburgo.

Quando questionado sobre o motivo que fez com que Luiz Adriano começasse a partida no banco de reservas, o técnico revelou que tomou a decisão em conjunto com o departamento médico.

“Conversei com o departamento médico, ele tinha dor em um músculo importante. Ele até poderia entrar em campo e não ter problemas com o jogo seguinte, mas poderia acabar correndo de uma maneira diferente para evitar problemas. Achamos melhor deixa-lo de fora, mas no banco, caso precisasse entrar. E ele entrou. Foi uma decisão nossa”, contou.

Sobre o nível de atuação da equipe, Luxemburgo disse que o time ainda não está tendo o desempenho que ele planejava devido à paralisação.  

“Está distante. É muito difícil. Jogamos a Florida Cup, pré-temporada, alguns jogos do Paulista em sequência, então estávamos encaixando. Aí ficamos 120 dias parados e tivemos 20 dias para treinar. Começamos tudo de novo. É complicado. Também tivemos saída de jogador. Estamos trabalhando. Sabemos que o torcedor está chateado com a derrota para o Corinthians, mas estamos trabalhando para o melhor”, pontuou.

VAVEL Logo