Náutico busca vitória no fim e supera Guarani pela primeira vez em 15 anos
Foto: David Oliveira / Guarani FC

Pela sexta rodada da Série B, o Náutico buscou grande virada na reta final e bateu o Guarani por 2 a 1 nesta sexta-feira (28), no Brinco de Ouro. O gol do Bugre saiu no último lance da primeira etapa, com um lindo chute de Eduardo Person. Já os gols do Timbu foram marcados no segundo tempo, por Jean Carlos e Paiva.

O primeiro tempo começou sem muitas emoções para ambos os lados. Aos 11 minutos de partida, quase o Guarani abriu o placar. O atacante Júnior Todinho ficou cara a cara com o goleiro Marcão, mas acabou chutando para fora. Outra grande oportunidade da etapa aconteceu com 18 minutos, desta vez da equipe do Timbu. O lateral-esquerdo William chutou forte de perna esquerda, obrigando Rafael Pin a fazer bela defesa.

Um minuto depois, aconteceu a chance mais clara de gol do primeiro tempo para o Timbu. Após um belo cruzamento de Jean Carlos, o atacante Salatiel pulou mais alto que os defensores, cabeceando na trave do Bugre.  

Com 34 minutos, quase o Náutico, novamente, abriu o placar. Após cruzamento, a bola passou por todo mundo. No fim da jogada, Salatiel, chegou para completar na pequena área, mas não conseguiu empurrar a bola para dentro da rede.

O gol do Bugre aconteceu aos 45 minutos, no apagar das luzes. O meia Eduardo Person acertou um belíssimo chute, de trás da meia lua, no ângulo do goleiro Marcão - este foi o primeiro gol do jogador com a camisa bugrina, e o segundo gol de sua carreira.

Na etapa inicial, o Guarani jogou mais na defensiva, priorizando os contra-ataques, com o atacante Bruno Sávio sendo bastante ativado no jogo. Do outro lado,o Náutico do técnico Gilson Kleina pressionou bastante a equipe campineira.

A segunda etapa começou mais pegada. Logo no início, o volante Matheus Trindade levou um cartão amarelo, após forte entrada em atacante do Guarani. Aos 12 minutos, quase o Náutico empatou a partida, com uma cabeçadado zagueiro Fernando Lombardi.

Com 16 minutos, o Bugre teve uma belíssima chance de ampliar o placar. O zagueiro Walber subiu sozinho, cabeceando para fora, no lado esquerdo do gol de Marcão. Um pouco depois, o goleiro do Timbu trabalhou novamente, fazendo uma bela defesa sob um chute forte de Bruno Sávio. 

O primeiro gol do Náutico aconteceu aos 31 minutos da segunda etapa. O atacante Salatiel deixou de calcanhar para Jean Carlos, que encheu o pé para o fundo do gol. O camisa 10 marcou seu terceiro gol no campeonato, chegando à vice artilharia.

Aos 46, nos acréscimos do segundo tempo, Paiva marcou o gol da virada alvirrubra. O clube de Recife quebrou um tabu contra o Guarani, que existia há mais de uma década.

Classificação e próximos jogos

Com este resultado, o Guarani se manteve na 16ª colocação, perto da zona do rebaixamento. Já o Náutico, conquistou sua primeira vitória no campeonato, subindo três posições na tabela - ocupa no momento a décima posição.

Na próxima rodada, o Bugre encara o Oeste, novamente no Brinco de Ouro, na segunda-feira (31), às 20h. No dia seguinte, às 21h30, o Timbu recebe o Figueirense em casa, no estádio Aflitos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo