Odair Hellmann isenta Muriel após eliminação do Fluminense da Copa do Brasil
Foto: Reprodução/Fluminense FC

Após eliminação frustrante para o Atlético-GO, com derrota por 3 a 1, o técnico do FluminenseOdair Hellmann lamentou a falta de criatividade do tricolor carioca na partida no Olímpico de Goiânia. Até os acréscimos, a decisão iria para os pênaltis, mas Matheus Vargas garantiu o Dragão nas oitavas de final da Copa do Brasil.

“Realmente a gente não conseguiu, no jogo de hoje, tanta construção como conseguimos no jogo passado. Acho que até criamos oportunidades, principalmente no segundo tempo, em duas situações mais perigosas, no primeiro tempo foi um jogo mais disputado, mais truncado, onde acabamos levando um gol cedo que gerou uma confiança ao adversário. A gente retomou rapidamente para voltar ao jogo, para concentrar. (...) Tivemos mais dificuldades no primeiro (tempo). No segundo, até conseguimos mais um pouco, mas acabou que essa produção foi pouca, em relação a criar muitas oportunidades, mas oportunidades criamos e as perigosas que criamos não conseguimos ser efetivos e o adversário aproveitou bem”.

O treinador isentou o goleiro Muriel, que falhou em dois dos três gols atleticanos, de responsabilidade pela eliminação do time.

“Aqui eu não responsabilizo jogador, não responsabilizo grupo, responsabilidade é minha como treinador, das decisões. Falhas no futebol, elas acontecem, na linha, no gol… O futebol é um esporte de erro, eu como comandante estou atento a todas as situações e eu tenho como característica passar confiança para os jogadores, para que eles possam desempenhar o seu melhor. Diferente disso, a responsabilidade é minha. Os jogadores tentaram, lutaram até o final para dar o seu melhor e a equipe adversária foi feliz em conseguir os gols, foi feliz em concretizar as oportunidades que teve e a responsabilidade é minha, como treinador”, afirmou.

Odair cutucou a falta de paciência no futebol brasileiro em perguntas sobre pressão sobre ele após às eliminações na Sul-Americana e Copa do Brasil.

“O trabalho, no futebol brasileiro, está sempre em avaliação. Do primeiro dia, ao último dia. Comparar Sul-americana e Copa do Brasil, só pelas circunstâncias das eliminações, mas elas são de momentos totalmente diferentes. Na Sul-Americana nós não tínhamos condições da inscrição de alguns jogadores, lesões de outros, então é um outro aspecto. Hoje, essa eliminação nos dói muito porque nós queríamos, nós fizemos o jogo do Maracanã para buscar o resultado, buscar a diferença, porque sabíamos que aqui ia ser muito difícil, e essa eliminação é dolorida para todos, ela dói! Agora, eu acho que o adversário conseguiu aproveitar aqueles detalhes, aqueles momentos que, numa decisão, você tem que minimizar e a gente acabou oferecendo esses detalhes essas situações, para que o adversário aproveitasse”, analisou.

O comandante do time das Laranjeiras espera que o time aprenda com os erros para conseguir a reação no Brasileirão, única competição que resta ao Fluminense na temporada.

“Agora é visualizar o Campeonato Brasileiro para que a gente retome e faça um ótimo campeonato, mas que tenhamos que visualizar e pegar as lições desses erros que estamos cometendo, para que a gente possa não cometer mais e seguir forte adiante”.

Perguntado sobre possíveis reforços, o treinador despistou.

“Sobre reforços, a gente conversa internamente. Sobre a possibilidade, isso a gente conversa com diretoria, com componente da comissão técnica, sempre dentro daquela situação da realidade do clube, que enfrenta muitas dificuldades em termos financeiros, e isso não vem de hoje, isso é desde o início. Dentro das possibilidades que o clube tem, a gente tá analisando o mercado, que também não é uma facilidade porque o mercado precisa de dinheiro e essa é uma grande dificuldade que temos, então a gente precisa ter criatividade, visualizar, mexer, buscar, para, quando tiver uma possibilidade de fechar alguma situação, com certeza o Fluminense como clube gigante que é estará sempre atento e aberto à essa, possibilidade para que a gente possa reforçar a equipe para o restante do Campeonato Brasileiro”.

O próximo compromisso do Fluminense é contra o Coritiba, no Maracanã, às 20h, na segunda-feira (28).

VAVEL Logo