Desesperados, Bahia e Goiás se enfrentam na Fonte Nova
Bahia x Goiás, 35ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020 (Goiás EC / Divulgação)

Duas equipes na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro 2020 se enfrentam neste sábado (6), às 19h Na Fonte Nova, o Bahia, no limite entre o grupo de rebaixados e quem se salva, enfrenta o Goiás, antepenúltimo colocado.

Apesar de o Bahia está melhor colocado, o momento das equipes são distintos. Enquanto o Tricolor da Boa Terra parece em queda livre, o Esmeraldino dá indícios de que pode recuperar a distância para a parte de cima da tabela.

Como se recuperar?

Como já dito, é o time que abre a zona de rebaixamento. Na 17ª colocação, o Bahia soma 36 pontos - um abaixo do Vasco, 16º e última equipe que se mantém na primeira divisão nacional. A fase da equipe, entretanto, preocupa: são três rodadas sem vencer, com duas derrotas e um empate no período.

São, ao todo, três desfalques no Bahia. O problema é que boa parte deles estão no mesmo setor: a meia central. Juan Pablo Ramírez, Matheus Bahia e Douglas não podem atuar hoje por estarem lesionados.

Cotado para assumir a lateral-direita do Bahia, Zeca falou sobre a situação do Bahia.

"Realidade é uma só: jogar todo jogo como se fosse uma final. Tenha certeza de que vamos encarar assim. A gente não queria estar nessa situação. Tenho certeza de que os treinamentos, o que está sendo feito pelo Dado, são bons trabalhos. Tenho certeza de que vamos sair dessa situação. Temos confrontos diretos com Goiás e Fortaleza. Tenho certeza de que vamos sair dessa. Uma reflexão que eu faço é que é um clube muito estruturado, um elenco com muita qualidade, no começo do ano, ninguém falava que a gente estaria nessa situação. Infelizmente, a gente chegou nessa situação, então é focar nessas duas partidas. Tenho muita fé, pelo trabalho que está sendo feito, a gente vai pontuar e sair dessa situação", pontuou o atleta.

Provável escalação: Anderson, João Pedro, Ernando, Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Gregore, Ronaldo e Daniel; Thiago, Rossi e Gilberto

Ainda dá?

Estar na 18ª colocação no início da 35ª rodada do Brasileirão costuma ser algo próximo de uma sentença de morte. Não para o Goiás. A equipe está em ritmo crescente: dos últimos três jogos, a equipe do Centro-Oeste venceu dois. E, por mais improvável que pareça, a equipe está viva na luta contra a degola. Com 32 pontos, o clube não deixa a posição em que está nesta rodada, mas pode ganhar força para subir ainda mais na reta final do certame.

São dois atletas suspensos pelo terceiro cartão amarelo: Heron e Tadeu. Além deles, na casamata, Augusto César, um dos treinadores da equipe e que assina súmulas como auxiliar, também não estará na área que lhe cabe pelo excesso de infrações.

Fábio Sanches, zagueiro, destacou que a partida é fundamental para o clube.

"A gente sabe que vai resumir muita coisa nesse jogo contra o Bahia. Uma vitória nossa vai dar um gás. Essa vitória contra o Atlético-MG já deu. Se a gente não ganhasse, ficaria bem difícil. Com uma vitória contra o Bahia, a gente vai encostar de vez. Depois, teremos jogos em casa, confronto direto, e isso vai nos dar vida na competição. Estamos acreditando muito", finalizou o jogador.

Provável escalação: Marcelo Rangel; David Duarte, Fábio Sanches e Iago Mendonça; Índio, Henrique Lordelo, Breno (Daniel de Pauli), Shaylon e Jefferson; Vinícius e Fernandão.

Arbitragem

Árbitro: Rafael Traci (SC)

Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Helton Nunes (SC)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)

VAVEL Logo