Além do troféu, Flamengo conquista premiação de R$ 33 milhões
Foto: Reprodução / AGIF

Não é só o status de campeão que vai pairar no Flamengo por mais uma temporada. O clube da Gávea também embolsa a premiação de R$ 33 milhões, paga pela CBF ao time campeão do Campeonato Brasileiro. E é justamente com essa quantia que a diretoria rubro-negra vai conseguir atenuar os impactos financeiros da pandemia de Covid-19.

Cálculos apontaram que os cofres do Fla tiveram grande desfalque em comparação com a o futebol antes da pandemia. A previsão de receita caiu de R$ 726 milhões para R$ 677 milhões. O triunfo no Brasileiro foi a única meta batida pela equipe no planejamento de orçamento para temporada 2020, que apontava a chegada à final da Copa do Brasil e ao menos à semifinal da Libertadores. No caso do Brasileiro, a projeção era de terminar pelo menos na segunda posição. E os planos seguem.

Para esta temporada de 2021, a diretoria almeja, por exemplo, chegar ao menos à semifinal da Libertadores. A estimativa é de alcançar uma receita de até R$ 953 milhões para os cofres.

Veja a lista de prêmios em dinheiro (as equipes rebaixadas não recebem valor algum):

  1. Flamengo: R$ 33 milhões
  2. Internacional: R$ 31,3 milhões
  3. Atlético-MG: R$ 29,7 milhões
  4. São Paulo: R$ 28 milhões
  5. Fluminense: R$ 26,4 milhões
  6. Grêmio: R$ 24,7 milhões
  7. Palmeiras: R$ 23,1 milhões
  8. Santos: R$ 21,4 milhões
  9. Athletico-PR: R$ 19,8 milhões
  10. Bragantino: R$ 18,1 milhões
  11. Corinthians: R$ 14,2 milhões
  12. Ceará: R$ 13,2 milhões
  13. Atlético-GO: R$ 12,2 milhões
  14. Bahia: R$ 11,9 milhões
  15. Sport: R$ 11,5 milhões
  16. Fortaleza: R$ 11,2 milhões
VAVEL Logo