Em jogo com mais de uma hora de paralisação, Vasco derrota o Vitória no Barradão
Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

O Vasco venceu o Vitória na noite deste sábado (07/08) no Barradão e voltou a vencer no Campeonato Brasileiro Série B após a derrota para o Botafogo na semana passada.

Sarrafiore, novidade na escalação do Vasco, marcou o gol da vitória logo no início da partida, que teve mais de uma hora de paralisação por conta da forte chuva que atingiu a capital baiana.

Com a vitória,  Vasco subiu para a sétima posição na tabela com 25 pontos. O Vitória, com a derrota, entrou na zona de rabaixamento, na 17ª posição.

Gol, muita chuva e vitória cruzmaltina

Antes de começar o jogo, já dava para notar que o gramado do Barradão estava impraticável. Muita chuva e diversas poças se formaram no campo. A drenagem do estádio, pelo que parecia, não estava fazendo efeito.

A bola rolou e os jogadores tiveram muita dificuldade de construir suas jogadas. As duas equipes tentavam muitas bolas aéreas e lançamentos longos.

O Vasco parecia entender melhor o tipo de jogo e conseguiu abrir o placar logo aos 14 minutos. Após escanteio bem batido por Zeca, Sarrafiore apareceu de surpresa na área para, em um bonito peixinho, abrir o placar.

Logo em seguida, o árbitro Pedro Vuaden consultou os capitães e resolveu paralisar o jogo. Além do gramado estar impraticável, a chuva apertou muito, colocando a integridade física dos jogadores em risco.

Depois de aproximadamente uma hora de paralisação, o jogo retornou. O Vasco voltou um pouco mais recuado, enquanto o Vitória tentava, na medida do possível, sair para o jogo.

O Vasco, do técnico Lisca, já começou a ter uma cara um pouco diferente dos últimos jogos. Se, normalmente, o artilheiro German Cano fica esperando uma bola para poder abrir o placar e decidir o jogo, dessa vez, em uma possível mudança tática de Lisca, foi diferente.

Cano saiu muito da área principalmente no segundo tempo. Ele fez o pivô, distribuiu passes e até tomou cartão amarelo em uma tentativa de marcar o ataque adversário na intermediária defensiva.

E a aposta pareceu surtir efeito. Cano foi o jogador que melhor entendeu o gramado encharcado. E Léo Jaba, rápido, aparecia como último homem, saindo em velocidade para o ataque e aparecendo como elemento surpresa.

O time criou boas chances e sofreu pouco. Na melhor chance do Vitória, em chute de longe, Vanderlei fez boa defesa. O Vasco teve duas boas chances de marcar com Andrey e uma com o próprio Cano. Mas a partida terminou mesmo 1 a 0.

A vitória tira um peso do Gigante da Colina, que vinha de três derrotas seguidas, duas na Copa do Brasil e uma no Brasileirão Série B.

Agora, o Vasco joga contra o Vila Nova, na próxima terça-feira em São Januário, buscando entrar pela primeira vez no G4 da competição. O Vitória, agora na zona de rebaixamento e sem técnico, vai ao Mineirão enfrentar o Cruzeiro.

VAVEL Logo