Vasco vence Audax nos pênaltis e vai às oitavas de final da Copinha
Foto: Roberto Zacarias/Vasco

Neste sábado (15), Vasco e Audax empataram pela terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Os gols foram marcados por Dudu, para o Audax, e Vinícius, para o Vasco. Com o resultado, a partida foi para as penalidades e o Gigante da Colina saiu com a classificação, na vitória por 4 a 3.

Um pra cada lado

O começo do jogo foi movimentado, com defesa do Audax fazendo lambança e entregando um contra-ataque limpo de cara pro gol.

Na oportunidade, dentro da área, Vinicius é impedido pelo zagueiro. Desperdiçando a primeira oportunidade. Na sequência, em cobrança de escanteio, a bola bate no braço do defensor paulista e a arbitragem marca pênalti. Vinícius foi para cobrança, tirou do goleiro, mas também tirou do gol e a bola saiu à direita do goleiro.

Como diz o ditado: "quem não faz, leva!" e foi exatamente o que aconteceu. Depois de duas chances claras de gol perdidas, a defesa vascaína vacila e dentro da grande área, Dudu recebeu um passe livre de marcação, dominou e mandou um foguete, abrindo o placar para os donos da casa aos 10.

A resposta surgiu aos 16, em contra-ataque a bola chega até a ponta direita, onde é feito o cruzamento e Figueiredo cabeceia no travessão. 

O Cruzmaltino teve total controle sobre o primeiro tempo, tendo espaço para trabalhar as jogadas com tranquilidade, mas a equipe parecia nervosa em campo e desestabilizada. O Audax tenta aproveitar os vacilos do alvinegro para sair em contra-ataque e até chegou uma vez, mas sem tanto perigo.

Chegando nos minutos finais, em contra-ataque veloz pela ponta direita, o Vasco disparou para o ataque e dentro da área, o atacante é derrubado e a arbitragem marca penalidade máxima. Na oportunidade, Vinícius chamou a responsabilidade e mandou um foguete indefensável, empatando a partida para o Gigante da Colina.

Nada de gols

A partida recomeçou bem pegada, muita intensidade entregue nas divididas e nos lances de ataque. Contudo, o segundo tempo começa equilibrado, com chances boas de ambos os lados, porém, sem eficiência na hora da conclusão.

A grande chance da segunta etapa veio com o Audax, chegando aos 16 minutos. Disparando pela ponta esquerda, depois de um furo da defesa alvinegra, Edherson adentrou na área e na hora da conclusão, a zaga alcançou e fez o corte.

O Gigante da Colina respondeu na cobrança de escanteio, aos 24, a bola passou pelo goleiro e o zagueiro cabeceou sozinho, sem precisar subir, mas errou a pontaria, numa chance incrível.

O Vasco tentou, martelou, criou a oportunidade perfeita, mas desperdiçou mais uma vez. Figueiredo saiu cara a cara com o goleiro adversário e tentou fazer o gol, mas o arqueiro cresceu pra cima do atacante e conseguiu fazer a defesa.

Já nos acréscimos, Leandro pelo Audax, costurou a zaga adversária, entrou dentro da área, tentou novo drible e perdeu a posse de bola. Com companheiro livre do lado para fazer a finalização, desperdiçou uma grande oportunidade a equipe paulista.

Classificação e próximos compromissos

Com a vitória por 4 a 3 nas penalidades, o Vasco avança para as oitavas de final e aguarda seu adversário, da partida entre São Paulo e São Caetano.

VAVEL Logo