Finalista no Mundial, Abel Ferreira elogia torcida: "Parecia que estava no Allianz Parque"
Foto: Divulgação / FIFA

O Palmeiras está a apenas um jogo de conquistar o maior título da mais do que centenária história do clube. Nesta terça-feira (08), no Al Nahyan, a equipe venceu o Al Ahly, por 2 a 0, em jogo válido pela semifinal do Mundial de Clubes 2021. Após o cotejo, Abel Ferreira, treinador palestrino, falou sobre a peleja e, também, a respeito da grande final.

Em entrevista à Rede Bandeirantes, o técnico do Verdão destacou a força do clube e da torcida. "Hoje, a Europa e o mundo sabem a grandeza do Palmeiras, começam a ouvir o nome do Palmeiras. Foi espetacular estar no banco e ver tudo de verde no lado contrario. Parecia que estava no Allianz Parque. Muito obrigado à família Palmeiras", pontuou Abel.

O planejamento de diretoria e comissão técnica também foram destacados pelo treinador do Alviverde Imponente em entrevista coletiva. "O futebol é curioso, tem muita memória curta. Quando não ganha, as críticas vêm para cima. Hoje é bom, amanhã já não é. É preciso ser muito equilibrado. Como que se prepara para o próximo adversário? O que é o mais importante, e é isso que eu controlo, era fazer a nossa tarefa. Fazer o que era preciso para estar na final", comentou.

Quem enfrentar na final?

Perguntado sobre a preferência de equipe para se enfrentar na decisão do certame, o técnico do SEP voltou a falar sobre a confiança que tem nos comandados - e não falou sobre outra agremiação do Mundial de Clubes. "O nosso propósito era ganhar. Viemos disputar o Mundial, com as melhores equipes, para ganhar. O adversário é o que tiver que ser. Nós sabemos que nunca há certezas absolutas. Quando acreditas, tudo é possível", finalizou.

A final do torneio acontecerá no próximo sábado (12), no Mohammed bin Zayed, às 13h30 (Horário de Brasília) - estádio que receberá, nesta quarta-feira (09), a peleja que definirá a outra equipe que participará da final, em duelo entre Chelsea e Al Hilal.

VAVEL Logo